O relato de OVNI mais surpreendente da Bíblia: A misteriosa coluna de nuvem brilhante que percorria o céu de dia e de noite

"Uma nuvem enorme e muito brilhante aterrissou no alto de Sinai... Deve ter sido realmente espetacular, porque foi cercado de todo o tipo de fenômeno sobrenatural, sons de trombetas, nuvens e fogo"

 
 

O primeiro contato

 
Padre William J. Fulco (PhD, Professor de Arqueologia): O primeiro encontro de Moisés com deus esta no terceiro capitulo do livro do Êxodo. Moisés encontra uma sarça ardente e deus fala com ele através das chamas e ele da a Moisés uma missão que é libertar os hebreus aprisionados no Egito. 
 
Giorgio A. Tsoukalos (Alienígenas do Passado): A ideia da 'sarça em chamas' que não se consome me parece muito interessante porque coisas como essas simplesmente não existem, especialmente moitas em chamas que dão instruções. Então a moita em chamas pode ter sido uma criação tecnológica que moisés descreveu como uma moita em chamas. 
 
 
Pode ter sido a sarça ardente descrita por Moisés um dispositivo extraterrestre ou talvez até algum tipo de espaçonave? Talvez existam mais pistas na historia de outro encontro igualmente misterioso.
 

Segundo Contato

 
Tell el-Daba, Egito: Alguns peritos e pesquisadores acreditam que foi aqui, na área nordeste do Nilo, que os israelitas começaram seu êxodo e onde Moisés teve seu segundo encontro divino; desta vez com um incrível objeto no céu. 
 
Rev. Barry H. Downing (PhD, Autor de "A Bíblia e Discos Voadores): Eles foram encontrados a meio caminho de seu destino pelo que eu chamo de OVNI bíblico. Em Êxodo, capitulo 13, versículos 21 e 22 temos o seguinte, "Durante o dia o senhor ia na frente em uma coluna de nuvem (...) e de noite em uma coluna de fogo. Podiam andar dia e noite". Quer dizer, a coluna estava sempre lá.
 
Padre William J. Fulco (PhD, Professor de Arqueologia): O que a bíblia nos diz é que, a presença de Deus se manifesta de modo dramático ao lado dos israelitas. 
 
 
Giorgio A. Tsoukalos (Alienígenas do Passado): A pergunta que sempre foi feita é, o que era a coluna de fogo? Era Deus? Ou como os teóricos dos antigos astronautas sugerem, era algum tipo de espaçonave?
 
Patrick Cooke (Fundador de "The Bible UFO connection): O povo hebreu seguia um tipo de objeto, e ficou muito claro que quando o objeto ficava no chão, as pessoas paravam e acampavam. Quando ele decolava, levantavam acampamento e seguiam em frente. O objeto os conduzia.
 
 
Rev. Barry H. Downing (PhD, Autor de "A Bíblia e Discos Voadores): A descrição de uma coluna de nuvem e de fogo; uma coluna é um objeto cilíndrico, talvez rígido, sólido, muito similar aos OVNIs reportados hoje em dia. Os óvnis cilíndricos são os mais comuns atualmente, e ainda podem ser muito grandes, chegando até a 800 metros de comprimento. Estudiosos de OVNIs pensam que essas são naves mãe. 
 
Nick Redfern (Autor, Final Events): Se olharmos isso nesse contexto, talvez os antigos quisessem descrever um OVNI brilhante de dia, como uma nuvem muito branca, e quisessem descrever um OVNI luminoso a noite como um OVNI em chamas. 
 
Seriam a coluna de fogo e a nuvem reais manifestações de Deus? Ou seria um dispositivo tecnológico altamente avançado de origem extraterrestre como acreditam os teóricos dos antigos astronautas? 
 

Terceiro Contato

 
Segundo vários teóricos, pode haver mais pistas no relato do encontro final de Moisés no alto do Monte Sinai. 
 
Patrick Cooke (Fundador de "The Bible UFO connection): Moisés recebeu uma mensagem de Deus de que ele aterrissaria no Monte Sinai. Moisés juntou o povo de Israel em volta da montanha e uma nuvem enorme e muito brilhante aterrissou no alto de Sinai. 
 
Rev. Barry H. Downing (PhD, Autor de "A Biblia e Discos Voadores): Deve ter sido realmente espetacular, porque foi cercado de todo o tipo de fenômeno sobrenatural, sons de trombetas, nuvens e fogo.
 
 
 
Padre William J. Fulco (PhD, Professor de Arqueologia): Deram a ordem para o povo judeu para ficar embaixo do Monte Sinai, mas Moisés foi autorizado a subir, e mais, ele foi protegido pela coluna de nuvem e de fogo.
 
Segundo os textos bíblicos, Moisés subiu a montanha e entrou na nuvem de luz. Ali ele viu o criador do universo, e depois de quarenta dias voltou trazendo os 10 mandamentos. Mas para os teóricos do antigo astronauta, a história do que aconteceu no Monte Sinai pode ser evidencia de um tipo de encontro muito diferente. 
 
 
Nick Redfern (Autor, Final Events): Moisés subir até Deus e ficar fora 40 dias, lembra muito os contatos imediatos de hoje em dia, onde quem é contatado recebe instruções e regras a seguir em termos de elevar a raça humana.
 
Padre William J. Fulco (PhD, Professor de Arqueologia): Os mandamentos que foram dados vão contra a nossa natureza animal, porque de certa forma, o que a bíblia diz é que Deus daria poderes divinos ao homem desde que soubesse maneja-los. O problema é que não temos ética para isso. Os 10 mandamentos são um começo para manejarmos os poderes divinos.