O Fenômeno de Petrozavodsk: O avistamento que mudou a história da Russia

11/08/2018 12:03

O evento que quebrou o silêncio da mídia soviética a respeito dos OVNIs e introduziu uma nova era na ufologia. Esse evento contou com mais de 170 testemunhas incluíndo policiais, marinheiros, aviadores e cientistas...

 
 
O fenômeno Petrozavodsk foi uma série de eventos celestes de natureza controversa ocorridos em 20 de setembro de 1977. Os avistamentos foram registrados em um vasto território, de Copenhague e Helsinque, no oeste, até Vladivostok, no leste.
 
O misterioso caso foi amplamente divulgado, pois o fenomeno inundou a cidade com fenomenos nunca antes vistos no céu (raios, luzes, anomalias, objetos não identificados, etc)... O acontecimento foi tão significativo que contribuiu para a criação do Setka AN, um programa soviético para a pesquisa de fenômenos atmosféricos anômalos.
 

Principais avistamentos

 
A maioria dos avistamentos ocorreu entre 1:00 e 1:20 da manhã, quando pelo menos 48 objetos não identificados apareceram na atmosfera. No entanto vários avistamentos ocorreram antes, às 1:00 da manhã.
 
Entre 3:00 e 3:25 da manhã, um objeto luminoso não identificado foi observado pelo pessoal da supervisão do porto de comércio marítimo de Leningrado. 
 
Às 3h30, um objeto voador, cercado por uma camada luminosa, teria sido visto pela tripulação do navio de pesca soviético Primorsk, que partia do porto de Primorsk. O objeto parecia mover-se silenciosamente do leste, e perto de Primorsk mudou abruptamente sua direção para o norte
 
Em Helsinki, na Finlândia, os avistamentos de uma bola brilhante foram relatados pelos jornais Ilta-Sanomat em 20 de setembro e Kansan Uutiset no dia seguinte. A bola foi observada por muitos moradores, incluindo taxistas, funcionários da polícia e pessoal do Aeroporto de Helsinque. 
 
Um objeto não identificado também foi observado perto de Turku por dois homens. Eles avistaram um objeto giratório semelhante a uma bóia salva-vidas de 10 m de diâmetro. Ilta-Sanomat também relatou o avistamento de um objeto brilhante na Dinamarca, sobre Copenhague, pelos pilotos de uma aeronave finlandesa que voava de Roma.
 
Os objetos brilhantes também foram observados em vários lugares da União Soviética, principalmente no noroeste. A aparição de um objeto não identificado sobre Helsinque supostamente causou um pesado 'radiotraffic' no território soviético.
 
Na parte européia da União Soviética, "corpos brilhantes e luminosos, cercados por 'conchas' e emitindo raios de luz ou jatos" foram reportados. As "conchas" supostamente "se transformaram e se difundiram em 10 a 15 minutos", enquanto "um brilho mais longilíneo e estável foi observado, principalmente na parte nordeste do céu". As testemunhas oculares incluíam paramédicos, funcionários da militsiya em serviço, marinheiros, militares, funcionários do aeroporto local e um astrônomo amador.
 
 
 
O fenômeno também foi observado pelos membros da expedição geofísica IZMIRAN perto de Lekhta. Em São Petersburgo, e em seguida, em Leningrado, o avistamento de um objeto não identificado foi relatado por três funcionários do turno noturno do Aeroporto de Pulkovo, incluindo o controlador de tráfego aéreo B. Blagirev. De acordo com Blagirev, ele avistou um objeto semelhante a uma bola de fogo às 3h55 da madrugada. Todos os três funcionários do aeroporto não conseguiram identificar o que viram. 
 
 
Outro relato detalhado de um objeto não identificado foi dado pelo escritor e filósofo soviético Yuri Linnik. Ele observou um objeto em sua fazenda perto de Namoyevo por volta das 3:00 da manhã através de um telescópio amador com uma ampliação de 80x. Esse objeto era parecido com uma lente, rodeado por um anel translúcido e escuro, tinha a cor de uma "ametista escura, intensamente iluminada por dentro". O objeto desapareceu ao norte, e a duração do voo foi de 15 minutos. 
 
 

History Channel: Alienigenas do Passado