O templo de Virupaksha e sua misteriosa e avançada construção..

O Templo Virupaksha da Índia eleva-se a 50 metros e pode representar o Monte Kailash, morada do deus Shiva.
 
 
 
Este templo contém uma magnífica torre piramidal com degraus, esculpida na rocha com muitas camadas e detalhes suntuosos, como suas gravuras de Shiva e outras divindades hindus, como Krishna. Pensa-se que foi construída entre os séculos XIV e XV, mas com os seus primeiros santuários datando do século VII aC. Que tipo de tecnologia antiga eles usaram para construí-lo?
 
O templo é o principal centro de peregrinação da vila de Hampi, no estado de Karnataka. Foi um centro monumental do império Vijayanagar. Mais tarde, a cidade caiu devido a guerras e invasões, mas o templo conseguiu sobreviver.
 
Templo de Virupaksha e arquitetura hindu antiga
 
Originalmente, era um pequeno santuário dedicado a Virupaksha-Pampa (Shiva e sua consorte, a deusa Pampa). Ao longo dos séculos, o templo foi se espalhando e se expandindo por todo o complexo.
 
 
Sua imagem emblemática é a do chamado gopuram ou gopura, um elemento característico dos templos hindus que consiste em uma grande torre ornamental que se eleva acima do terreno do templo. Eles foram construídos nos séculos 14 e 15. Vários templos mais antigos também foram renovados e se espalharam por todo o império Vijayanagar da Índia.
 
Seu estilo arquitetônico é chamado dravidiano, e é muito semelhante ao das vimanas, mas os gopuram estão localizados nas entradas dos templos, enquanto as vimanas são o núcleo dos templos. A Virupashka gopura foi construída em degraus (nove degraus) e sua superestrutura é de tijolo, com base em rocha.
 
Conhecimento muito avançado.. 
 
 
O templo foi esculpido à mão com surpreendente precisão e muitos trabalhadores. Outro aspecto impressionante é a intuição matemática com que foi construído e decorado. Padrões são observados que demonstram uma compreensão dos fractais, onde uma estrutura é repetida em diferentes escalas. 
 
Na decoração encontram-se imagens de Shiva e Pampa, bem como esculturas como as dos yalis, seres mitológicos híbridos do hinduísmo, semelhantes ao grifo. O templo contém gravuras da vida de Shiva, bem como cenas do Ramayana, do Mahabharata e da infância de Krishna.