O que a NASA ocultou das missões Apollo... Uma missão para recuperar tecnologia avançada?

Segundo o especialista Michael Salla houve uma comunicação não oficial no radio, informando que eles, os astronautas, viram 2 ovnis sobrevoando uma cratera além de outras estruturas artificiais que teriam encontrado no local.
 
 
 
Observação: As informações abaixo foram pegas de documentarios 
do History Channel
 
A missão Apollo 17 foi possivelmente uma missão para recuperar tecnologia extraterrestre. Parte da missão tinha haver com o próprio local de pouso. Haviam varias montanhas na área onde pousaram que não pareciam montanhas, uma delas tinha uma aparência bem hexagonal, e todas elas eram muito semelhantes a estruturas artificiais. 
 
Misteriosa estrutura: Montanha Hexagonal
 
Os astronautas foram direto para essa montanha hexagonal, pararam na colina acima dela, e saíram do veiculo lunar. O interessante é que nos 20 ou 30 minutos seguintes a NASA toma o controle da câmera do veiculo. Nisso eles apontaram ela para todos os lados menos para onde os astronautas estavam. 
 
Os astronautas não são mais vistos pelas câmeras até que eles voltam para o veiculo lunar. O que eles estavam investigando ou procurando? É possível que estivessem atrás de uma tecnologia alienígena antiga?
 

Descobertas incriveis durante a missão...

 Na cratera chamada Shorty foi encontrado solo laranja que foi descoberto próximo ao local de pouso. Esse solo tinha esta cor porque tinha uma grande quantidade de oxigênio, o que foi uma grande surpresa para todos.
 
 
Porem a maior surpresa dessa missão são as fotos tiradas pelos astronautas. Se olharmos bem para as imagens da cratera Shorty vemos objetos que a principio podem parecer rochas comuns. Mas ao analisar as imagens com o auxilio de engenheiros, o que encontramos são mecanismos, e bem no meio desses mecanismos existe um objeto muito interessante... 
 
Estruturas inexplicaveis na Cratera Shorty - rocha com furo perfeito
 
 
...Ao aplicar o zoom nesse objeto peculiar (em meio a outros objetos interessantes) ele começa a ganhar a forma de uma cabeça humana.
 
 
Analisando os negativos da cratera Shorty os especialistas fazem uma descoberta ainda maior. Realçando as cores presentes no filme eles descobriram que essa incrível cabeça humana era totalmente metálica.
 
Mike Bara (Autor - Dark Mission: The Secret History Of NASA): O mais intrigante é que, na parte superior da boca havia uma parte vermelho vivo pintada. E ela brilhava e reluzia como se fosse metalica. Então nós chegamos a conclusão de que o que estavamos vendo é provavelmente a cabeça de um robo humanoide. 
 
 
Os especialistas e engenheiros chegaram a conclusão de que eles estavam olhando para a cabeça de um robô com semelhanças humanas. Possivelmente o que havia na área ao redor era os restos de uma explosão que destruiu e danificou vários objetos mecânicos. 
 

As misteriosas fitas da Lua que desapareceram... 

Segundo o especialista Michael Salla, PhD, do Instituto de Exopolitica, desde o começo dos anos 50, o pessoal da segurança nacional americana já sabia da existencia de bases alienígenas na lua, e parte da corrida espacial era basicamente ir até a lua para poder descobrir o que acontecia lá e o tipo de capacidade tecnológica que existia.
 
A missão Apollo 11 foi gravada em vídeo e transmitida para todo o mundo, mas durante 2 minutos a transmissão falhou. 
 
Michael Salla ((PhD, do Instituto de Exopolitica): Durante a transmissão do Neil Armstrong falando com a Terra estão faltando 2 minutos de fita, e muitas pessoas especulam o que poderia existir nesses minutos que desapareceram... 
 
Aparentemente segundo o especialista Michael Salla houve uma comunicação não oficial no radio, informando que eles, os astronautas, viram 2 ovnis sobrevoando uma cratera além de outras estruturas artificiais que teriam encontrado no local. 
 
,
Documentario sobre as fitas perdidas da Lua
 
 
Os engenheiros da NASA fizeram cópias de segurança das fitas, mas em um relatório em 2009 a agência admitiu que misteriosamente nunca mais voltaram a encontrar as fitas de segurança.