Neve alaranjada cobre países da Europa Oriental

26/03/2018 14:43
 
 
Um incidente meteorológico estranho atingiu pelo menos quatro países, transformando a neve branca em um sombrio tom de laranja, que deixou os moradores aterrorizados sobre a causa.
 
Cidades em na Rússia, Ucrânia, Bulgária e Romênia relataram o bizarro fenômeno de neve alaranjada, cujos vídeos rapidamente se tornaram virais.
 
Destinos turísticos, incluindo balneários de esqui, foram cobertos pela neve alaranjada, que transformou montanhas nevadas em dunas de areia.
 
Várias testemunhas compararam a cena a um ‘cenário apocalíptico’ ou algo parecido com a superfície de Marte.
 
Os cientistas culparam a misteriosa coloração da neve, que variou de amarelo claro a laranja intenso e até marrom, à uma mistura de areia e pólen.
 
Especialistas do Centro de Hidrometeorologia de Sochi e Monitoramento dos Mares Negro e Azov foram enviados para testar a estranha visão.
 
Um porta-voz do centro disse que a causa do fenômeno foi provavelmente os ventos que transportam areia do Saara, que caiu como chuva.
 
 
No entanto, eles também previram que as coisas voltariam ao normal em poucos dias.
 
 
Turistas em um balneário de esqui em Sochi, que sediou os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014, postaram fotos no Instagram e no Twitter das paisagens nebulosas e das encostas amarelo-alaranjadas.
 
Um usuário disse:
 
Paisagem marciana, Apocalypse Now.
 
Outro acrescentou:
 
As encostas nevadas foram transformadas em dunas barkhan.
 
Fotos semelhantes foram postadas por residentes na Romênia, Ucrânia e Bulgária.
 
 
 
O fenômeno da neve foi comparado a um incidente semelhante ao ocorrido na Sibéria em 2007, quando a neve cor de laranja cobriu 1.500 quilômetros quadrados. Apesar das teorias, não ficou claro o que causou a exibição de neve alaranjada, com especulações que vão desde a poluição até uma tempestade de areia próxima.
 
De acordo com o observatório ambiental da Rússia, a neve foi relatada como sendo “malcheirosa, oleosa e contendo quatro vezes o nível normal de ferro”.