Motorista no Chile passa por momentos assustadores ao ser seguido por um possível OVNI

 
 
 
Totalmente sozinho, em meio a uma estrada gelada coberta por uma densa neblina, um motorista viveu uma hora de terror quando foi seguido por um objeto misterioso que o acompanhou por quase 80 quilômetros.
 
Recentemente, uma série de supostos avistamentos de OVNIs ocorreu em Ultima Esperanza e Punta Arenas, no Chile. No entanto, todos eles foram atribuídos a 'satélites' e 'planetas'. 
 
No entanto, um dos relatos que está sendo rigorosamente investigado é o que ocorreu em 27 de junho. Naquele dia, antes das oito da manhã, um morador de Puerto Natales se dirigiu a Punta Arenas para assuntos pessoais. Depois de atravessar a barreira sanitária de Casas Viejas, ele continuou seu caminho com muito cuidado devido ao gelo que cobria a estrada na Rota Nove.
 
Após atravessar o setor de Rubens (quilômetro 180 da Rota Nove Norte), viu ao sudeste (setor argentino) uma luz brilhante misteriosa que apareceu no céu. 
 
Depois de alguns minutos, a luz desceu e ficou na sua altura, seguindo sua trajetória e iniciando uma perseguição que durou até a vizinhança de Villa Tehuelches. O que inicialmente era uma luz esférica mudou para uma forma cilíndrica.
 
A luz veio e passou na frente e atrás do veículo. Assustado, o motorista tentou ligar para sua família, mas não foi possivel se comunicar. Psicologicamente perturbado, ele continuou seu caminho até chegar a Punta Arenas.
 
 
 
Com as fotografias que conseguiu capturar com o celular, entrou em contato com Patricio Frías, diretor da 'Ufo Noise Patagonia' (organização criada em Puerto Natales, em 1996), entidade que estuda fenômenos anômalos. 
Frías alertou que:
 
 “agora temos que começar a investigar se há outras pessoas que tiveram uma experiência semelhante ou que viram uma luz estranha na área”.
 
Também na Argentina
 
O caso acima não seria um fenômeno isolado, pois três dias depois houve outro avistamento de grande luminosidade na província de Neuquén, na Argentina, durante um voo de treinamento, para o que pode ser uma “onda de avistamentos”.
 
 
 
Frías disse:
 
"Isso despertou a curiosidade de todos os pesquisadores internacionalmente (...). Em outras palavras, vários avistamentos com características semelhantes estão sendo reportados rapidamente. Já estamos recebendo informações de que haveria um terceiro avistamento que ocorreu em 1º de julho, também na Argentina, onde um OVNI foi registrado em plena luz do dia."
 
 
 
A respeito do que aconteceu com o motorista no Chile, ele indicou que não seria o primeiro fenômeno semelhante que ocorre na Rota Nove, onde, no passado, outras perseguições por objetos luminosos ocorreram. (Fonte\Fonte)