Marinha dos EUA diz que os objetos voadores não identificados são de origem extraterrestre

Elizondo diz que vários países foram visitados por seres de outros mundos em naves extremamente avançadas; os OVNIs observados mostravam "extrema manobrabilidade e velocidade hipersônica".

 
 
Faz quase dois anos desde que o New York Times revelou a existência do Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais do governo dos Estados Unidos (AATIP), no qual foram realizadas investigações envolvendo encontros com aviões militares dos EUA e objetos desconhecidos (OVNI).
 
E um ano depois, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos (DoD) foi forçado a reconhecer que o programa era real e que eles haviam investigado os chamados fenômenos aéreos não identificados.
 
No entanto, as revelações ainda continuam. Recentemente, Luis Elizondo, ex-chefe da AATIP, disse que a existência de NAVES extraterrestres, viajando a velocidades de até 13.000 km / h, foi comprovada "sem qualquer dúvida aparente".
 
Elizondo diz que vários países foram visitados por seres de outros mundos em naves extremamente avançadas; os OVNIs observados mostravam "extrema manobrabilidade e velocidade hipersônica".
 

Mais revelações...

 
Nick Karnaze, um ex-soldado do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA que serviu no Afeganistão como oficial de Inteligência, diz que OVNIs em forma de charuto que foram vistos em todo o país nos últimos meses podem ser algo além de programa militar classificado.
 
 
 
Os objetos misteriosos, longos, finos e em forma de 'cobra', foram registrados pela primeira vez em junho, quando várias pessoas testemunharam uma luz estranha no deserto de Mojave, no Colorado e no estado de Washington.
 
Logo depois, as redes sociais foram inundadas com fotos e vídeos de OVNIs estranhos, durante a chuva de meteoros no Wyoming. Um objeto estranho foi visto se movendo sobre Nova York.
 
E Karnaze declarou exclusivamente ao jornal britânico Daily Star que esses OVNIs foram vistos em todo o planeta. Recentemente, ele viajou por todo o mundo com outros pesquisadores com a intenção de reunir evidências para mostrar que alienígenas estão nos visitando.
 
"É interessante porque, se assumirmos que este poderia ser um programa governamental potencialmente classificado, você esperaria que esses objetos fossem restritos a determinadas áreas", disse Karnaze.
 
“Mas agora temos relatos de vários lugares do mundo de testemunhas que viram objetos semelhantes. Para mim, isso indica algo potencialmente além de um programa classificado, porque, novamente, na comunidade militar, você só testará esses programas classificados em determinadas áreas.”
 
Quando perguntado o que seriam os objetos estranhos, Nick admitiu que ele só pode classificá-los como um objeto voador não identificado ou um fenômeno aéreo não identificado.
 
.
 
 
"Ao descartar programas militares classificados (como fizemos acima), isso realmente permite que a imaginação fique louca ao tentar imaginar o que seriam esses objetos", acrescentou Karnaze.
 

Fonte