Astronautas que falaram ter visto OVNIs passam por teste de detector de mentiras: Eles realmente viram OVNIs

 
 
 
Os resultados provam que eles estavam completamente convencidos de sinais de vida alienígena que eles afirmam ter testemunhado, dizem os especialistas.
 
Buzz Aldrin, que foi o segundo homem a andar na Lua, e três outros astronautas passaram por testes de detector de mentiras sobre alegações de que eles tiveram encontros com alienígenas enquanto estavam no espaço.
 
Os relatos dos astronautas sobre avistamentos de alienígenas foram examinados em condições de laboratório, e todos os quatro astronautas passaram no teste que foi realizado usando a mais recente tecnologia.
 
 
 
O teste foi realizado pelo Institute of BioAcoustic Biology em Albany, Ohio (EUA), usando análises complexas de computador dos padrões de voz dos astronautas à medida que relatavam seus encontros extraterrestres.
 
Buzz Aldrin, 88 anos, disse que viu um OVNI a caminho da Lua:
 
'Havia algo lá perto o suficiente para ser observado, em forma de L.'
 
Sharri Edwards, do BioAcoustic, disse que os testes mostram que o Sr. Aldrin está certo de que ele viu um OVNI.
 
Mas o astronauta disse que sua mente lógica ‘não pode explicá-lo’.
 
O piloto da Apolo 15, Al Worden, 86, também afirma ter visto alienígenas em uma entrevista chocante no programa Good Morning Britain.
 
As gravações de voz de pioneiros da Nasa, Edgar Mitchell e Gordon Cooper, que estão mortos, também foram analisadas.
 
Michell, da missão Apollo 14, afirmou ter visto vários OVNIs, enquanto Cooper os descreveu perseguindo um grupo de objetos.
 
 
Os resultados provam que eles estavam completamente convencidos de sinais de vida alienígena que eles afirmam ter testemunhado, dizem os especialistas.