Antiga e misteriosa moeda de astronomia chinesa que retrata como astrônomos chineses viram o céu há 2.000 anos

 
 
Aqui está uma antiga moeda de astronomia chinesa que, por algum motivo, não atraiu a atenção que merece durante todos esses anos. E muito pouco foi divulgado sobre por alguma razão estranha... 
 
Quando se trata das raízes da astronomia, os especialistas costumam citar os sumérios, egípcios, caldeus e chineses como os primeiros astrônomos.
 
Embora essas civilizações antigas conhecessem os planetas, constelações e solstícios, havia outras civilizações com um conhecimento também bem avançado sobre o espaço. 
 
Monumentos escritos descrevendo cometas e eclipses solares continuam a ser encontrados por arqueólogos, mas a maioria das ideias desta parecem estranhas e difíceis de entender para o homem moderno.
 
Em sua forma verdadeira, a Astronomia começou com os gregos, que faziam observações e tentavam dar explicações científicas relevantes para cada nova descoberta ou teoria.
 
Moeda de astronomia chinesa antiga
 
A moeda da astronomia chinesa foi encontrada na cidade de Xian em 1987, quando uma velha tumba (de cerca de 25 a.C.) datada da Dinastia Han foi escavada. Antes de chegarmos à moeda em si, preciso mencionar que os antigos astrônomos chineses usavam as mesmas quatro direções cardeais que conhecemos hoje - Leste, Sul, Oeste e Norte.
 
Claro, essas direções também foram etiquetadas na moeda com seus respectivos signos em chinês, como você pode ver na fotografia da moeda da Astronomia. Você também pode observar que o Sol foi ilustrado duas vezes de forma idêntica, respectivamente, para o nascer do sol do leste e o pôr do sol para o oeste.
 
As duas linhas no meio da moeda representam a Via Láctea , que os antigos astrônomos chineses chamavam de “Rio de Prata” devido ao seu brilho. 
 
 
Consequentemente, descrito na moeda você pode ver representações de várias constelações e estrelas como Vega, Altair, Ursa Maior e Sagitário. No entanto, você pode se perguntar por que Vênus foi ilustrado duas vezes nesta moeda chinesa - uma no oeste e outra na região sudeste.
 
A explicação é bastante simples. Os antigos astrônomos chineses se referiam a Vênus de maneira diferente, dependendo de onde ela ficava no céu durante o ano. Por exemplo, Vênus poderia ser vista no céu ocidental durante os meses de inverno do ano, e é por isso que também foi ilustrada perto da direção cardeal Oeste na moeda chinesa.
 
Por outro lado, o verso da moeda é elementar e inclui apenas dois símbolos. Você vê um único símbolo à esquerda e à direita, você pode ver o pequeno símbolo representando uma lua crescente.
 
Resumindo, essa moeda da astronomia chinesa é um artefato fascinante e nos perguntamos por que ela não atraiu nenhuma atenção em todo o mundo. Será que esse objeto estaria guardando outros tipos de segredo?? Se assim for qual seriam eles??
 
Fonte, post feito com base em um documentario da Discovery Channel
Respeite o conteudo do site (material protegido), não copie sem autorização