Algo não identificado estava pairando em uma área restrita em Washington (Casa Branca) e nada esta sendo revelado: Aviões de combate foram enviados atrás da possível ameaça

 
 
O repórter da Fox News, Chad Pergram, passou o dia investigando uma estranha ameaça à segurança do Capitólio (e da Casa Branca), na manhã de terça-feira, que deixou as autoridades de segurança perplexas.
 
Tanto o Capitólio dos EUA quanto a Casa Branca foram fechados depois que o espaço aéreo restrito foi violado e aviões de combate foram enviados para investigar. O problema é que, após várias horas, ninguém sabe o que objeto era, ou mesmo se era real.
 
Pergram enviou a seguinte mensagem no Twitter, terça-feria à tarde:
 
"Com o incidente de segurança nesta manhã, a Fox perguntou especificamente se os sistemas de segurança do Capitólio podem ter sido invadidos ou se isso pode ter sido um ‘teste’ de forças nefastas para julgar como as pessoas podem ter respondido. Eles disseram à Fox que nenhum desses cenários estava em jogo."
 
Ele explicou que a Fox foi informada de que os oficiais de segurança ainda estão confusos e alguns até receberam versões diferentes de um relatório sobre o que aconteceu, até mesmo sobre o local e a velocidade da suposta aeronave.
 
Pergram informou:
 
"As autoridades ouviram que [o objeto] estava ‘pairando’ e até receberam ‘nós‘ medindo sua velocidade. Mas eles ainda não sabem o que era."
 
 
“Não sabemos o que diabos foi isso” disse uma fonte experiente à Pergram. Ele explicou que a segurança não sabe “se eram pássaros, uma ‘anomalia climática’, um drone ou o quê”.