A terra continua a se abrir em varias partes do mundo: gigantescas crateras aparecem na Nova Zelândia e na Flórida

07/05/2018 09:33

O "buraco" na Nova Zelândia tem a profundidade de um prédio de seis andares e o seu comprimento pode ser comparado com o de dois campos de futebol. 

 
 
Uma cratera gigantesca de 200 metros de comprimento e 20 metros de profundidade se abriu em uma fazenda na localidade de Bay of PlentyNova Zelândia.
 
As crateras dessa natureza são causadas pela erosão das águas subterrâneas, que dissolvem a pedra calcária sob a superfície da terra.
 
.
 
Segundo informa o portal CBS Los Angeles, o "buraco" tem a profundidade de um prédio de seis andares e o seu comprimento pode ser comparado com o de dois campos de futebol. Segundo especialistas, esta cratera estava se formando sob a terra durante quase cem anos antes das chuvas fortes a terem aberto.
  
.
 
De acordo com o vulcanologista Brad Scott, esta é a maior cratera no país vista por ele. Ele também acrescenta que esse buraco pode se expandir e aumentar ainda mais.
 
 
Outro vulcanólogo que visitou o local disse que a cratera era como uma mini versão do Grand Canyon.
 
Mais de uma dúzia de estranhos buracos também aparecem na Flórida..
 
.
 
 
Aproximadamente 8 famílias na subdivisão de Fore Ranch do bairro de Wynchase Townhomes tiveram que ser evacuadas após vários buracos surgirem.
 
 
De acordo com um residente, os buracos continuaram a aparecer, o que causou o aumento do medo devido à possibilidade dessas crateras se juntarem e formarem um enorme precipício..