A NASA pode ter encontrado naves de origem alienígena entre os Anéis de Saturno

30/01/2018 15:17
 
 
Um vídeo publicado no início do ano passado, fala sobre as recentes anomalias que foram observadas nos Anéis de Saturno.  Seja qual for o caso, o entrevistado é Norman Bergrun, cientista e engenheiro que trabalhou na NASA, isto é, na indústria aeroespacial e autor do livro "The Ringmakers of Saturn", onde ele afirma que existem enormes naves espaciais nos Anéis de Saturno que podem se tornar algo perigoso para a Terra e o resto do sistema solar.
 
 
Nesse livro, Bergrun analisa as fotografias dos anéis de Saturno tomadas pelas naves espaciais Voyager 1 e Voyager 2 em 1980 e 1981. Ele então explica em detalhes sua teoria de que os anéis foram formados por veículos eletromagnéticos gigantes (EMV) que podem ser controlados por seres inteligentes. 
 
 
Ele afirma que as naves estão em órbita em Saturno dentro dos anéis, mas não são visíveis porque possuem a tecnologia de camuflagem como os muitos OVNIs na Terra. Análises subseqüentes de Bergrun e outros pesquisadores sugerem que as mesmas naves (muito similares) estão em órbita ao redor do Sol, Jupiter e Urano.
 
 
 
Então, em junho de 2015, a sonda Cassini antes de chegar em Júpiter, enviou algumas imagens mostrando um misterioso objeto "curvo" nos anéis A e F de Saturno. Segundo estudos este objeto curvo seria uma nave alienigena em modo de camuflagem.
 
 
Sendo um cientista espacial respeitado e bem educado, Bergrun tem vários seguidores. O vídeo e os escritos de Bergrun são interessantes e estimulantes para aqueles que estão abertos à idéia de que não estamos sozinhos no universo e que existe vida alienigena dentro do nosso próprio sistema solar.