Casos Ufológicos: A maior perseguição de OVNIs já registrada.. O caso envolve vários policiais, caças e inúmeras outras testemunhas

Arquivo da MUFON 
Ravenna, Ohio - Abril 1966
 

A assombrosa perseguição envolveu vários policiais, dois carros da patrulha, 4 caças e varias testemunhas oculares..

 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Já vai amanhecer em um turno da madrugada que o vice xerife Dale F. Spauer e o delegado Wilbur Neff nunca esqueceram. 
 
Após esse evento, a vida de todas as testemunhas policiais foi completamente destruida profissionalmente..
 
John Ventre (MUFON State Director): Durante toda a manhã o rádio da policia deles foi inundado por testemunhas alegando ter visto um disco voador grande e brilhante nos céus. 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Faltando apenas algumas horas de trabalho eles notam algo fora do normal; um carro havia sido abandonado na rota 24. Quando Neff esta prestes a chegar no carro para investigar, Spauer sente alguma coisa. 
 
John Ventre (MUFON State Director): No relatório do Spauer ele alega ter sentido a vontade de olhar para trás, e assim observa algo surpreendente. Spauer diz a Neff para olhar para trás e ambos ficam chocados com o que observam. 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Eles de repente foram iluminados por uma luz que vinha de um objeto desconhecido no céu, e a unica coisa que ouviram foi um barulho parecido com o de um transformador sendo sobrecarregado. 
 
John Ventre (MUFON State Director): Os dois policiais ficaram congelados embaixo dessa luz, Spauer se lembra de mexer o pé direito levemente para verificar se conseguia se mexer, e quando eles perceberam que não estavam paralisados correram o mais rápido possível até o carro da patrulha.
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Imediatamente Spauer pegou o rádio e reportou o que tinha visto, o atendente falou para eles não se mexerem e esperarem no carro que enviariam reforços o mais breve possível. 
 
John Ventre (MUFON State Director): Spauer e Neff esperaram preocupados enquanto a luz iluminava todo o carro.  
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Os policiais logo entraram em panico e pensaram; "Será que atiramos no objeto ou saímos dessa área?". Eles estavam morrendo de medo mas receberam ordens para esperar o reforço. Mas então inexplicavelmente o OVNI vai embora. Eles ficam chocados e aliviados e quando recuperam a calma fazem o impensável, eles vão atrás do objeto. 
 
John Ventre (MUFON State Director): Esses 2 policiais estão perseguindo um OVNI a mais 100 km/h em direção a fronteira com a Pensilvânia pela rota 224.
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Conforme o Sol nasce, o OVNI continua indo na direção leste, aproximando-se da fronteira do estado da Pensilvânia. 
 
 
 
Melissa Tittl (UFO researcher): O patrulheiro Frank Panzanella da Pensilvânia estava sentado em seu carro tomando café quando viu um enorme objeto em formato de cone voar por cima dele. Incrivelmente seu primeiro instinto foi também perseguir o OVNI. 
 
John Ventre (MUFON State Director): Panzanella manda um radio para ver se eles tinham alguma coisa no radar. Eles detectam um objeto não identificado no radar. 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Os policiais não são os únicos interessados na aeronave...
 
Melissa Tittl (UFO researcher): Quatro caças apareceram no céu, a policia recebe a confirmação no rádio de que os jatos estão seguindo o OVNI. 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Os policiais devem estar pensando; "nossa, isso esta acontecendo mesmo... a força aérea vai derrubar um OVNI bem na nossa frente". Mas em seguida o OVNI se lança no céu a uma velocidade incrível até que desaparece antes dos jatos fazerem algo. 
 
Richard Dolan (UFO Historian & Author): Em poucas horas esse caso foi descoberto pela imprensa e dai a força aérea deu muita atenção. 
 
Todos os policiais envolvidos foram contactados pela unidade de investigação de OVNIs do exercito, o projeto Livro Azul (Project Blue Book). 
 
Richard Dolan (UFO Historian & Author): A força aérea começa a cobrir o caso, o chefe do Livro Azul o Major Hector Quintanilla chega no local. 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Hector Quintanilla foi chefe do projeto Livro Azul desde 1963 até seu fechamento em em 1970. Além de seu diploma em física, ele foi recrutado para o cargo porque precisavam de um homem que "aguentasse a pressão".
 
Richard Dolan (UFO Historian & Author): Ele encontrou Spauer e a primeira coisa que diz a ele é "me fala sobre essa miragem que você viu". 
 
Dwight Equitz (UFO researcher): Dá para imaginar?? Você é um policial e acabou de ver a coisa mais incrível do mundo, e a primeira coisa que a força aérea faz é te acusar de ter observado uma miragem..
 
Melissa Tittl (UFO researcher): Spauer descreve exatamente o que ele viu em detalhes. Mas Hector Quintanilla não faz mais nenhuma pergunta e não tenta interrogar os outros 3 policiais que também viram o OVNI. 
 
O Hector Quintanilla faz uma conferencia de imprensa para comentar as constatações oficiais da Força Aérea sobre aquele incidente. 
 
Richard Dolan (UFO Historian & Author): A explicação de Quintanilla foi simples.. Os oficiais estavam perseguindo um satélite de eco comunicação, e ao nascer do Sol, isso mudou para perseguir o planeta VENUS. Quintanilla também negou que qualquer caça tenha estado na área tentando perseguir o OVNI. 
 
Insatisfeitos com a explicação oficial, alguns investigadores, incluindo o famosos ufólogos, ficam determinados a descobrir o que realmente aconteceu. 
 
Richard Dolan (UFO Historian & Author): Um dos investigadores chegou ao local e encontrou outros três policiais e quatro testemunhas civis que viram o OVNI entre as 5:00 e 5:30 daquela manhã.  
 
 
 
Depois de novas descobertas feitas por esse investigador, Quintanilla foi forçado a reabrir o caso. No entanto, táticas mais pesadas foram empregadas. 
 
Melissa Tittl (UFO researcher): Quintanilla e Spauer tiveram outra reunião, dessa vez com a presença de especialistas e da mídia. Mas depois disso Quintanilla manteve sua conclusão original (e absurda) de que os policiais estavam perseguindo vénus, caso encerrado.. 
 

Hangar 1 (Documentario) \  MUFON