Eles encontraram esferas de pedra misteriosas esculpidas em uma tumba de 5.500 anos

17/09/2021

Esferas de pedra misteriosas foram encontradas em uma tumba megalítica localizada em uma ilha escocesa. Até agora não se sabe qual era o seu propósito, e tudo parece indicar que o enigma ficará sem solução, pois o sitio está prestes a desaparecer ...

Uma tumba neolítica de 5.500 anos chamada Tresness, localizada em Sanday, uma das ilhas do arquipélago escocês Orkney, está prestes a desaparecer no mar.

Atualmente, os arqueólogos estão escavando apressadamente a área para resgatar os tesouros arqueológicos encontrados. Em sua busca, eles surpreendentemente tropeçaram em duas misteriosas esferas de pedra perfeitamente esculpidas.

O mistério das esferas de pedra

Nos últimos dois séculos, cerca de 500 esferas de pedra datadas de 3500 a.C. foram encontradas na Escócia, a maioria, mede cerca de 7 centímetros de diâmetro.

Os especialistas estão trabalhando muito rapidamente devido à urgência da situação, já que o local está afundando e a falésia onde está o túmulo, está desabando.

Como a equipe de escavação observou em seu estudo, eles preferem explorar "questões específicas de pesquisa" em um local ameaçado do que passar muito tempo em um local seguro.

A equipe, liderada por Vicki Cummings da Central Lancashire University, trabalha para coletar o máximo de artefatos possível antes que Tresness desapareça.

No artigo da Press and Journal, Hugo Anderson-Whymark, Curador Chefe do Museu Nacional da Escócia, postou a descoberta de 2 esferas de pedra no Twitter. Além de outras 20 encontrados em Orkney.

As 2 esferas recentes foram descritas por Anderson-Whymark como "achados de tumbas". Por outro lado, Cummings disse que elas eram do tamanho de uma bola de críquete e que eram perfeitamente esféricas e com um belo acabamento.

Estudos revelaram que elas foram esculpidos em pedras duras e macias. A maioria tem 6 botões ou projeções.

Em 1876, foi sugerido que as esferas de pedra, presas a cabos de madeira, poderiam ter sido usadas como armas. Porém, em 1970, concluiu-se que as esferas eram perfeitas, sem nenhuma imperfeição.

Não faria sentido para os antigos habitantes da ilha esculpir artefatos esteticamente bonitos para usar como armas.

Alguns especialistas acreditam que os artefatos foram usados ​​como material cerimonial. Outra que é resultado de uma tecnologia ancestral desconhecida. No entanto, ainda não há informações suficientes para dar um veredicto.

Em perigo de desaparecimento

Cummings afirmou que Tresness está provavelmente associada ao assentamento neolítico do sítio Cata Sand, localizado a pouco mais de 2 quilômetros de distância.

No passado, tanto Sanday quanto Cata Sand estavam localizados em uma colina no alto da costa, que podia ser vista à distância. No entanto, a passagem do tempo foi desgastando a base da colina, o que fez com que ela começasse a desabar, deixando os depósitos à beira do colapso.

Segundo o arqueólogo, um dos principais fatores para a mudança no ambiente é a falta de árvores. No Neolítico, toda a área era coberta por vegetação.

As escavações continuam apressadamente na tumba de Tresness, em busca de mais artefatos, enquanto os estudos das misteriosas esferas de pedra continuam seu curso. A equipe fez uma modelagem 3D de como o lugar mudou durante seu trabalho.

Estas não são as primeiras esferas de pedra perfeitamente esculpidas encontradas no mundo. No entanto, o mistério de quem e como eles foram feitos continua ...

ATENÇÃO: Respeite o conteúdo do SITE, não copie sem autorização (conteúdo 100% protegido)