Uma possível falsa invasão extraterrestre poderá estar acontecendo alertam os especialistas (Projeto Blue Beam)

18/10/2017 10:33
 
 
À medida que o nosso mundo se torna cada vez mais estranho, especialistas em OVNIs estão alertando sobre o que poderia ser o evento mais inacreditavel da história humana: Uma invasão extraterrestre falsa (invasão de ‘bandeira falsa’, como é chamada), orquestrada por vários governos do mundo, para finalmente atingirem sua meta de assegurar que toda a humanidade será obediente a eles..
 
Pode parecer algo maluco para aqueles mais novos no assunto, mas preste a atenção nos especialistas antes de chegar às suas conclusões, e confira a cobertura do Washington Post de algumas das tecnologias que podem ajudar a fazer isto acontecer.
 
Tal evento, dizem os especialistas, poderia combinar aeronaves exóticas avançadas feitas por humanos, tecnologia holográfica avançada e a cumplicidade da imprensa global já praticada na arte de elaborar falsas notícias (CNN, Washington Post, etc.) para fazer propaganda para espectadores ingênuos. 
 
 

Dr. Stephen Greer do Sirius Disclosure

 
Um dos mais conhecidos pesquisadores que fala publicamente sobre um evento de “bandeira falsa cósmica” é o Dr. Stephen Greer, do Sirius Disclosure, uma organização dedicada à revelação da verdade sobre os extraterrestres reais, bem como as farsas organizadas pelos humanos para enganar as massas.
 
De acordo com o Dr. Greer, muitos (mas não todos) dos assim chamados eventos de “OVNIs” que estão sendo testemunhados ao redor do mundo envolvem naves feitas pelos humanos. Ele ainda diz que o ‘complexo industrial militar’ consiste de uma estrutura de poder além do alcance até mesmo do Presidente dos EUA, e que tais interesses estão planejando um evento de “bandeira falsa cósmica”, para enganar a humanidade e faze-la pensar que uma invasão alienígena está ocorrendo.
 
Segundo o Dr. Greer, se as pessoas por todo o planeta se tornarem muito despertadas e começarem a desafiar a estrutura de poder status quo, uma ‘invasão alienígena’ será encenada através do posicionamento estratégico de naves “alienígenas” convincentes, que na verdade foram desenvolvidas, testadas e aperfeiçoadas pelas empresas sigilosas de armamentos, tais como a Northrup, Grumman e Boeing. Com a ajuda da imprensa – CNN, New York Times, WashPost – quaisquer narrativas podem então ser passadas como “fato”.
 
Agora que um despertar global em massa está a acelerar todos os dias, a encenação desta “bandeira falsa cósmica” parece iminente, avisa o pesquisador.
 
Dr. Greer diz:
 
'Se alguém tentar encenar um evento, iremos declará-lo como a farsa que ele é… e não acompanhar aquilo que estou chamando de ‘Armagedom de roteiro’.
 
Ele explica que a “bandeira falsa cósmica” pode ser uma história de acobertamento para engajar numa exterminação parcial da humanidade:
 
'Eles adorariam derrubar nossa civilização e conseguir a exterminação de aproximadamente 5 bilhões de pessoas, através de um conflito que eles encenariam e fabricariam o Armagedom. E esse é o grande plano que tem estado armado desde a década de 1950. Essas pessoas na comunidade de inteligência que sabem disso… nem mesmo posso colocar em palavras o quanto eles ficam devastados quando descobrem isto. Porque eles sabem como estas pessoas estão se utilizando da religiosidade, do racismo, da alienação, da divisão, para manter o fogo aceso.  Mas o grande evento será o lançamento de um ataque falso contra o planeta, o qual pareceria como um evento 100% extraterrestre… e não é.'
 
 

A tecnologia já existe para que isso ocorra

 
A tecnologia já existe para conduzir um enorme ataque alienígena falso que pode convencer a maior parte das pessoas sobre sua autenticidade.  Como o vídeo de Mark Dice explica baixo, o Washington Post até mesmo publicou um artigo em 1999 detalhando como os militares dos EUA planejavam encenar o “aparecimento de Deus” no Iraque, para fazer as pessoas entrarem na linha.
 
.
 
 
Note que esta tecnologia já existia em 1999. Agora estamos a 18 anos mais tarde. 
 
O “ataque alienígena” falso também pode ser aumentado, dizem outros especialistas, pela tecnologia de projeção de áudio atual, a qual pode literalmente projetar uma fala humana (e outros sons) nas cabeças de grandes grupos de pessoas. Isto é chamado de “efeito de audição de radio frequência”.