Os Illuminati

13/08/2014 11:11
A verdadeira história sobre os Illuminati
 
 
A verdadeira história sobre os Illuminati
 
 
 
 
 
Iremos mostrar a verdade. Onde a Velha Ordem Mundial (retratada como OWO ou Instituição) é a verdadeira vilã, que manipula a todos e ainda joga a culpa em quem tenta destruí-la que no caso sempre foi a ainda é os Illuminati junto de outras sociedades secretas, conheçam a verdade, e parem de absorver essa onda negativa de informações que estão sendo espalhadas pela internet.
 
 
 
 
 
Na mitologia contemporânea, os Illuminati têm sido rotulados como os demais responsáveis ​​que estão por trás da instituição (Velha Ordem Mundial, OWO, que distorcidamente é comparada a Nova Ordem Mundial), puxando as cordas, orquestrando a escravização dos povos do mundo. Isso é mentira e o oposto é verdadeiro. Os Illuminati sempre lideraram a resistência contra os tiranos, contra a OWO. Em algumas ocasiões, eles chegaram tentadoramente perto do sucesso, mas no geral eles têm sofrido derrotas catastróficas. Eles tentaram se infiltrar na instituição, tentaram estratégias como Cavalo de Tróia, táticas de guerrilha e revoltas populares, tentaram ganhar o debate intelectual e religioso, tentaram subverter e minar a instituição. A maioria das tentativas terminaram em desastre, assim a instituição não tinha quem molesta-los e ficaram mais poderosos do que nunca (OWO). Mas nunca é aceitável entregar ou abandonar a luta. 
Muitas pessoas retiram-se em seus micro-mundos de pequenos confortos e não representam ameaça para a instituição, e é exatamente isso que eles desejam desde sua criação - o nosso respeito e obediência, nossa recusa a enfrentá-los, somos marionetes da Velha Ordem Mundial. O jogo da criação não é nada novo. Foi explicitamente previsto por Maquiavel O Príncipe, que afirma sem disfarçar os princípios de como aqueles com o poder devem agir. Mentir, enganar, usar brutalidade, crueldade, impiedade, medo, terror, quebrar o juramento solene, a ganância e a hipocrisia, o suborno e a corrupção, o extermínio dos rivais, fazendo pactos com os seus inimigos apenas para quebrá-los quando acharem melhor, esses tópicos são defendidos como ferramentas necessárias. Este comportamento continua a ser exibido todos os dias em qualquer governo na Terra. 
Os Illuminati têm tido uma série de disfarces na arena pública, formaram muitas alianças e criaram vários grupos que usaram para fins determinados na luta permanente contra a tirania da Velha Ordem, mas o objetivo sempre foi o mesmo - destruir a Velha Ordem Mundial, a rede de poderosas famílias dinásticas e elites privilegiadas que engendraram riqueza terrena e poder para si e para o inferno com todos os outros. A Velha Ordem Mundial, foram os mestres de milhares de anos atrás e eles são os mestres de agora. Eles assiduamente seguiem o conselho de Maquiavel, mas não precisam dele para dizer-lhes as regras do jogo. Maquiavel apenas descreveu o que eles vinham fazendo há milênios.
 
 
Através de cada catástrofe, a OWO suportou. Alguma coisa mudou para eles? Nem um pouco. Nada mudou. As pessoas falam sobre como fazer isso e aquilo contra eles, mas na realidade nada acontece. O sistema está bloqueado. É impossível mudá-lo dentro de seus próprios parâmetros. Ele é projetado para ser resistente a qualquer outra coisa como as revoluções, mas há poucos revolucionários no mundo. O sistema de Velha Ordem Mundial está perto da perfeição. É uma matrix de controle absoluto. Apenas um pequeno número de pessoas (cerca de 6.000) dominam o mundo, mas eles são apoiados por todos os órgãos de repressão: a polícia, os militares, os serviços de inteligência, a lei (concebida, em última análise, para proteger o patrimônio dos ricos ).Os bilhões de pessoas comuns no mundo, que poderiam varrer a tirania em um instante, estão com muito medo de lutar. Eles são intimidados e dóceis. Eles são os "últimos homens", a quem Nietzsche se refere tão ironicamente. 
A missão dos Illuminati, em certo sentido, é ajudar os homens a recuperarem sua dignidade, para jogarem fora suas correntes e ficarem em pé pela primeira vez. Como é que deve ser feito? Colocando as pessoas em contato com seu Eu Superior. Quando a centelha divina é liberada em um indivíduo, ele não tolera mais a condição de escravidão, deixam de lado as atividades sem sentido para passar o tempo. Acima de tudo, a Velha Ordem teme o que aconteceria se o seu domínio fosse desafiado por uma legião de pessoas que tinham encontrado o seu eu superior e perderiam o medo. Como será mostrado abaixo, muitos grupos corajosos resistiram à OWO. As forças muito mais numerosas da OWO esmagaram-nos, mas não vai ser sempre assim. "A hora mais escura é imediatamente antes do amanhecer". 
***** 
 
Existem várias maneiras importantes para os investigadores identificarem os movimentos e grupos da história que foram ligados ao Illuminati. Os grupos em questão provavelmente ensinaram a reencarnação, provavelmente tinham uma mensagem forte de liberdade e igualdade orientada pelas camadas menos privilegiadas da sociedade, provavelmente pretendiam remover o poder e a riqueza dos governantes gananciosos que oprimem a sociedade; provavelmente, enfatizaram o "Espírito Santo" e, provavelmente, fizeram afirmações que pareciam surpreendentes e heréticas tentando limpar a lavagem cerebral das religiões reveladas, como o cristianismo, judaísmo e islamismo. 
Essas afirmações, muitas vezes podem ser percebidas como auto-exaltação, a tal ponto que se elevava a auto-deificação. "Eu estou me tornando Deus" soa para algumas pessoas como uma afirmação de louco, mas o significado por trás de tal alegação era de que os praticantes estavam afirmando que haviam feito o primeiro contato com seu Eu Superior - com a centelha divina, que faz parte da ordem divina -e poderiam agora começar a participar da divindade ou seja, eles tinham atingido o estágio inicial de piedade e poderiam antecipar a progressão para a união completa.Religiões reveladas se opõe a tais alegações alegando ser um grande tabu a religião "mistério" que é a verdade suprema, o culminar da busca pessoal de conhecimento definitivo, para o próprio Santo Graal. 
Nem todos os grupos que ensinavam as mensagens desse tipo estavam diretamente ligados com os Illuminati. Alguns estavam imitando os Illuminati, com base em segunda-mão do conhecimento e rumores, alguns foram levados pelos iluministas renegados que tinham sido expulso da sociedade para as transgressões, e alguns líderes inspiradores só passaram a criar religiões e filosofias (geralmente em oposição a religiões reveladas) que era visível os elementos em comum com os ensinamentos dos Illuminati. 
Os Illuminati nunca tiveram um grande número de membros pela simples razão de que os segredos não permanecem segredos se muitas pessoas têm acesso a eles. É porque os Illuminati têm adotado uma posição de liderança nos bastidores e não tomam o campo como um movimento de massas que tem sido descrito como "demais responsáveis", eles não comandam o mundo, quem comanda é a Velha Ordem Mundial, que sempre usa seu poder para difamar os Illuminati. 
Abaixo está uma lista dos grupos e movimentos que eram liderados pelos Illuminati, ligados ao Illuminati, ou influenciados pelos Illuminati. É uma história de resistência às elites ricas. De maneira nenhuma todas as resistências são associadas com os Illuminati, mas a resistência de um certo tipo, com os tipos de características acima descritas, é notável o pensamento Illuminati. Vou lhes mostrar a história mais fascinante do mundo secreto. 
***** 
 
A Ordem de Salomão:
 
 
 
 
 
 
Salomão, o famoso Rei bíblico de Israel, é por vezes referido como um Grão-Mestre dos Illuminati, embora ele viveu séculos antes do primeiro oficial Grão-Mestre, Pitágoras.Foi dado a ele este título, retrospectivamente para honrar a sua importância para os Illuminati. No tempo de Salomão, os Illuminati estavam vagando como homens santos, místicos e filósofos. Um deles viajou para o reino de Israel, foi apresentado a Salomão, e pediu o esclarecimento dele (Salomão, famoso por sua sabedoria, foi rápido para ver a verdade do que estava sendo dito.) Salomão criou um grupo secreto que veio a ser chamada de Ordem de Salomão, a tarefa era 
 
a) Trabalhar para acabar com o culto dos hebreus de Jehova.
 
b) algo muito mais extraordinário - de realmente matar Jehova. (Este pensamento é a base do livro A Conspiração de Armageddon - The Armageddon Conspiracy.) A Ordem de Salomão se desintegrou após a morte de Salomão, embora ela tivesse renascido mais tarde sob a forma da Ordem dos Pobres Cavaleiros do Templo de Salomão - os famosos Cavaleiros Templários, cujo os primeiros anos de vida foram dedicados a escavar os alicerces do Templo de Salomão e reencontrar antigos tesouros e segredos. 
 
 
Druidismo:
 
 
 
 
 
 
Uma versão celta do gnosticismo. (Assim como houve versõesceltas e romanas do cristianismo, com os romanos emergindo no topo, havia também versões celtas e gregas do gnosticismo. A versão Celta foi praticamente exterminada quando os romanos abateram os druidas na Grã-Bretanha. Remanescentes do druidismo sobreviveram na Irlanda, mas gradualmente sucumbiu ao cristianismo. (Druidas reconheceram Pitágoras, como primeiro dos Illuminati Grão-Mestre dos Illuminati, e adotaram muitos dos ensinamentos dos Illuminati. Merlin, nas lendas do Rei Arthur, representa tanto o druidismo como o poder "mágico" de um homem que tem contato direto e confiável com seu eu superior.) 
 
Simão, o Mago:
Foi o maior e mais venerado Grão-Mestre dos Illuminati, por razões que não eu posso divulgar. Padres da Igreja Cristã, consideraram-no como o mais proeminente e perigosognóstico, o arco heretc. Havia muitas seitas gnósticas, que eram respeitados pelos Illuminati, mas havia divergência entre o que cada seita ensinava. As seitas gnósticas que estavam estreitamente ligadas aos Illuminati foram as carpocraciana ( Carpocratians - mencionada na "Prohibition A"), cainitas (cainites), o Ophites e Joaninos (johannites) - (ver "A Conspiração Armageddon - The Armageddon Conspiracy"). 
 
Mitraísmo:  
 
 
 
 
Uma religião de mistérios gnósticos liderada pelos Illuminati. Os Illuminati tentaram introduzir uma religião que iria recorrer para o exército romano e, assim, permitir-lhes assegurar o controle militar do Império Romano. Muitos soldados romanos se tornaram Mithraists, mas os segredos que envolvem o mitraísmo, eventualmente, não foram contados para eles e por razões óbvias, religiões de mistério não podem ir a público em qualquer escala significativa para que os impeça de ser um movimento de massas. O cristianismo entrou na esfera pública e se tornou muito mais popular e poderoso do que o mitraísmo. Ele roubou muitos elementos mitraicos e, gradualmente, neutralizou a ameaça do mitraísmo. 
 
Maniqueísmo:
 
 
 
 
Mani era um membro dos Illuminati, incumbido de criar uma religião gnóstica aberta a todos (ao invés de aprovar apenas iniciados, como no mitraísmo), que rivalizaria cristianismo. Era chamado de Religião da Luz. A idéia era que os melhores maniqueistas fossem então introduzidos à religião "mistério" dos Illuminati - Iluminação.OManiqueísmo foi muito bem sucedido por algum tempo, mas acabou derrotado pelas principais religiões do mundo. Mani sofreu uma morte horrível. Durante 26 dias ele foi mantido na prisão, então ele foi esfolado vivo e sua pele, recheada com palha, foi pregado a uma cruz e pendurado sobre a porta principal da grande cidade de Jundishapur como um espetáculo terrível para aqueles que seguiam seus ensinamentos.Seu cadáver foi decapitado e a cabeça colocada em um espeto. 
 
Hermetismo:
 
 
 
Uma escola de pensamento não estabelecida pelos Illuminati, mas que resolveu muitos interesses similares e ajudou a manter o pensamento esotérico vivo em uma época em que os Illuminati chegaram à beira da extinção, durante o colapso do Império Romano e o advento da Idade das Trevas. Hermetismo sempre foi muito respeitado pelos Illuminati. A diferença central entre o hermetismo e o gnosticismo é que hermenêuticos não dizem que o mundo é a criação de um Demiurgo mal e que a humanidade está sob o seu poder maligno. Em vez disso, eles afirmam que a humanidade está separado de Deus por uma espécie de preguiça, apatia, letargia, a ignorância, a luxúria, e escravização de preocupações corporais em vez das do espírito. Se a humanidade pudesse acordar e libertar-se dos prazeres sensuais e distrações, de uma mentalidade materialista, poderia comungar diretamente com Deus. 
Gnosticismo e Hermetismo ambos abordavam a busca para descobrir o eu superior, a centelha divina, e os meios para que o homem pudesse se tornar Deus. Nessa medida, os Illuminati são favoráveis ​​à agenda do hermetismo. Aquelas pessoas que não encontram-se convencido de que a Terra está no encalço de uma força maligna ainda pode encontrar seu caminho para muitas das verdades da iluminação através do hermetismo. Iluminação e Hermetismo são dois caminhos para a salvação. Os Illuminati sempre ensinaram que aqueles que seguem o caminho hermético, um dia, quando eles descobrirem a verdade maior e as idéias do próprio ser, alcançariam o mesmo caminho que os Illuminati. 
A diferença essencial entre o hermetismo e iluminação das outras é que, existem as religiões como o cristianismo, judaísmo e islamismo, que enquanto os seguidores destas religiões estão alienados de Deus e consideram-no como externo, distante e infinitamente muito acima do seu nível, eles veem Deus como interno, estreito e quando a iluminação é atingida, ficariamos idênticos a ele.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Holograma
 
Budistas e Hindus: 
 
Acham que quando alcançarem a iluminação, eles serão absorvidos na essência divina, a grande e eterna unidade. Em outras palavras, os cristãos, judeus e muçulmanos sempre se vêem como separado de Deus, já os budistas e hindus como tornar-se um com Deus / Natureza (mas com sua própria individualidade completamente extinta) e hermenêuticos e os Illuminati como tornar-se Deus, mas com, suas individualidades retidas. 
Este é um conceito difícil para a maioria das pessoas entender. A melhor analogia moderna é a de um holograma. iluminassemos apenas uma pequena região [do holograma], nós ainda vemos toda a estrutura, mas um pouco menos bem definida e com menos detalhes com umapossível diminuição da amplitude dos pontos de vista (como se estivéssemos olhando através de uma janela menor). É claro que não há correspondência de um-para-um entre partes de um objeto iluminado e partes de uma [imagem holográfica do objeto]. Na verdade , o padrão de interferência em cada região [do holograma] érelevante para a Você vê a analogia holográfica de Deus e da centelha divina que reside na humanidade? Cada centelha é individual e ainda contém o todo (Deus), mas "como se estivesse olhando através de uma janela menor." Além disso, o todo (Deus) confia em cada parte. Então, qual caminho você vai escolher? Você quer estar sempre na sombra infinita de Deus como os cristãos, judeus e muçulmanos fazem, quer tornar-se absorvido por ele, para que você como indivíduo, não exista mais, como os budistas e os hindus defendem, ou você quer alcançar a divindade, mantendo sua identidade individual? A resposta deveria ser óbvia para qualquer pessoa pensante.
 
Um exemplo de um grupo liderado por um renegado iluminista foi o Euchites (Messalians), que olhou para trás, para os primeiros anos dos Illuminati. Os Illuminati começaram como errantes homens santos, místicos e filósofos antes de se tornarem uma organização estabelecida. O Euchites voltou ao básico e voltou a ser nômade, homens santos que vivem de esmolas. Eles ensinaram que  tinham comunhão com o seu eu divino e, portanto, incapazes de pecar: tudo o que faziam era bom e justificável - mas não é bem assim. Isso levou ao excesso anárquico, particularmente de natureza sexual. Isto representou uma corruptela de ensino controverso dos Illuminati de "pecado para a Salvação", que iremos abordar em uma seção posterior. "O pecado para a salvação" exige elevados níveis de controle e auto-disciplina e deve ser sempre aproveitado para um estrito ascetismo. Pecar por causa do pecado é auto-indulgente, contraproducente e não leva a nenhum contato real com o eu superior.Mas o "pecado" quando usado como um ataque deliberado sobre os ensinamentos de falsas religiões pode ser um instrumento de libertação transcendente. Grande parte da retórica do pecado não tem nada a ver com o bem e o mal, é toda sobre o controle, é uma lavagem cerebral em massa para promover a agenda dos controladores (OWO).Nada é mais importante do que livrar a humanidade dos tais "pecados" - os mesmos pecados definidos pela Velha Ordem Mundial.
 
Os Cátaros:
 
 
 
Gnósticos, que representaram um sério desafio religioso à Igreja Católica, no sul da França na Idade Média. (Os precursores dos cátaros foram grupos como os seguidores de Paulo, o Athingani e o Bogomils.) Os cátaros também foram associados com uma forte tradição literária na forma de "Goliards and Troubadours": este foi o início da tentativa Illuminati de usar histórias, poesias, artes, pinturas e esculturas para comunicarem a heresia ao mundo, para tentarem destruir as autoridades católicas, assim passaram mensagens codificadas. Os cátaros consideravam a Igreja estabelecida como a "sinagoga de Satanás", e o altar como a boca do inferno. O Vaticano lançou uma cruzada contra eles que foram praticamente exterminados (leiam novamente... A igreja mandou matar. Como pode uma instituição que se diz tão próxima de Deus, que diz que matar é pecado, fazer o próprio pecado).
 
Os Cavaleiros Templários:
 
 
 
Supostamente monges militares católico ortodoxos que eram de fato gnósticos , buscavam recuperar tesouros únicos a partir das ruínas do Templo de Salomão em Jerusalém, e enfraquecer o catolicismo a partir de uma posição privilegiada. O Vaticano finalmente percebeu o perigo e suprimiu a Ordem dos Templários. O último Grão-Mestre foi queimado na fogueira (novamente a Igreja matou). 
 
Os Capuciati - um precursor dos Clubes jacobinos da França revolucionária. No final do século 12, o Capuciati levantou-se contra a nobreza e tentou implementar uma sociedade baseada na liberdade e igualdade. Eles foram brutalmente reprimidos (novamente...).
 
Os Alquimistas:
 
 
 
Pensadores gnósticos que tentaran combinar a ciência e a espiritualidade; para encontrar um caminho quase-científico para a iluminação espiritual. (Alguns alquimistas eram cientistas "metafóricos" ou seja, eles estavam usando a linguagem da proto-química, para descrever um processo de refinamento espiritual e elevação, pois eles não foram seriamente engajados em experiências científicas). Os Alquimistas foram conduzidos em segredo e conseguiram evitar a condenação formal e a perseguição por parte do Vaticano. Alquimistas raramente se aventuravam em aberto, e só o faziam se tivessem garantido a proteção de um poderoso príncipe. A Maçonaria nasceu de uma combinação dos alquimistas e dos remanescentes dos Templários. 
 
A Heresia do Espírito Livre:
 
 
 
Foi um movimento que floresceu na Europa medieval e foi baseada na idéia de que os praticantes chegaram a um estado de perfeição que os moveu além do pecado (como o Euchites). Eles repudiaram as normas sociais e morais e muitas vezes foram altamente promíscuos. No entanto, esta promiscuidade era mais parecida com o "amor livre" dos anos 1960. Foi acompanhado freqüentemente pelo uso de drogas, com intenção de espalhar amor, comunidade e acima de tudo, teve como objetivo ser um canal para um plano superior, para a emancipação espiritual e comunhão com o eu superior. 
Para os gnósticos e os cristãos, o conceito de "Espírito Santo", tinha um significado muito diferente. Para os cristãos, o Espírito Santo foi a terceira pessoa da Santíssima Trindade e na teologia católica, atuou por meio da Igreja e dos santos sacramentos.Os católicos não tinham acesso ao Espírito Santo que não fosse através dos sacramentos. Para os protestantes, o indivíduo pode interagir com o Espírito Santo diretamente, sem a necessidade da Igreja ou qualquer sacramento. Para os gnósticos, o Espírito Santo era na verdade uma referência codificada ao eu superior, a centelha divina. Ao usar esse termo, eles poderiam passar por cristãos e assim evitar acusações de heresia, ao passo que, na verdade estavam propagando os ensinamentos gnósticos. Se eles conseguissem ligar o seu eu superior, seriam preenchidos com o espiritual, a compreensão mística - a gnose em si - que revela a verdadeira natureza da existência. Agindo por intermédio de seu eu superior parte da ordem divina, eles já não seriam capazes de pecar. Eles seriam verdadeiramente livres das limitações e angústias do mundo. Por esse motivo, eles foram chamados Eleutherians - a partir da palavra grega que significava "livre". (Alguns grupos eram mais livres do que outros, alguns se tornaram completamente anárquicos e auto-indulgentes, enquanto outros tinham retido um propósito espiritual forte e claro que não era a liberdade em si na qual era a questão crucial, mas como que a liberdade era exercida; Irresponsávelmente ou com foco claro. ) 
Joaquim de Fiori (Grão-Mestre dos Illuminati) e Amaury de Bene (um iluminista senior) foram responsáveis ​​pela idéia revolucionária de que o mundo está dividido em três faixas etárias - a de Deus o Pai (Jeová / Judaísmo), Deus Filho ( Jesus Cristo ou o cristianismo), e Deus o Espírito Santo (que, para Joaquim e Amaury significava Abraxas / gnosticismo). 
 
Os Dulcinites, sob a liderança de Fra Dolcino, eram um movimento Joachimite com estreitas ligações com o catarismo. Defendiam a igualdade e logo atrairam a hostilidade da Igreja e da nobreza. Eles foram exterminados, em 1307, mesmo ano em que os Templários foram presos e reprimidos (novamente o assassinato era a melhor forma da Igreja por medo nas pessoas que não eram adeptas e exterminá-las.)
Os Irmãos do Espírito Livre, The homines Intelligentiae, os adamitas, o Amalricans, os Beghards / Beguines, os Picards, os Turlupins, os Ranters e os perfeccionistas são todos grupos de um tipo semelhante, inspirados pelas idéias antinomian de Joaquim de Fiori e Amaury de Bene, e dedicada à liberdade absoluta. Porque eles não percebem que estavam vinculados pelas convenções da sociedade, que muitas vezes atuou, em segredo e, por vezes abertamente, de modo que escandalizou a opinião pública.Inevitavelmente, que atraiu a hostilidade da igreja e a maioria deles eram perseguidos selvagemente (Igreja matando... isso esta se tornando bem repetitivo não acham?).
Hieronymus Bosch era um membro da seita adamitas e suas pinturas são cheias de referências codificadas com os ensinamentos dos adamitas, pinturas e escrituras de William Blake também são cheias de simbolismo gnóstico e mensagens codificadas.(Uma importante pintura de Blake é destaque no "The Millionaires Death Club" que pode ser baixado neste site na área Downloads). 
 
Os Hesicastas - um ramo dos Illuminati, que apareceu na Macedónia, no Império Bizantino, no século 14. Suas atividades foram centradas na comunidade monástica no Monte Athos ("Holy Mountain"). O hesicastas eram místicos que se esforçaram para ter uma visão da luz do Deus Verdadeiro. Eles consideravam esta contemplação como o maior objetivo da humanidade, levando-os o mais próximo possível à ordem divina, trazendo-os para centelha divina, o seu eu superior. Dessa forma, eles poderiam tornar-se unidos com Deus. Esta experiência poderia ser descrita como "unio mystica" (união mística), a sensação de êxtase de ser um com Deus. 
A fim de disfarçar as suas práticas, cairam dentro do cristianismo ortodoxo, os hesicastas disseram que a luz que eles procuravam era o da Transfiguração de Jesus Cristo no Monte Tabor, onde o "homem" e "Deus" visivelmente se tornaran um e brilharam com a luz mística de Deus . Após um longo debate, Hesychasm foi aceito como não-herético pela Igreja Ortodoxa Oriental, mas foi rejeitado, pacificamente, pela Igreja Católica Romana. Uma idéia similar, originária na Espanha com os Alumbrados, reuniram-se com um destino muito diferente. 
 
Os Alumbrados (também conhecidos como Aluminados) - o capítulo espanhol dos Illuminati nos séculos 15 e 16. Inácio de Loyola era um membro sênior dos Alumbrados, e tinha a tarefa de se infiltrar na Igreja Católica com um novo grupo modelado em uma versão não-militar dos Cavaleiros Templários. O grupo que ele fundou foi a Ordem dos Jesuítas. 
Os Alumbrados recrutaram um número de "conversos" - judeus que foram obrigados pelas autoridades espanholas a se converterem ao cristianismo, se quisessem permanecer no país ou mesmo simplesmente para permanecerem vivos. Muitos destes eram bem versados ​​nos ensinamentos da Cabala. "Mouriscos" (forçados a se converterem Mouros) também foram recrutados. Os Illuminati têm sido sempre felizes em ter novos membros de diferentes tradições, desde que essas pessoas não sejam apegados ao mainstream "religiões". Os Conversos e mouriscos eram geralmente aqueles que já estavam incomodados com suas religiões originais, embora eles não tivessem inclinação para o cristianismo, pois simplesmente tinham se convertido por conveniência e não por qualquer convicção. Como os hesicastas, os Alumbrados pretendiam alcançar um estado de perfeição que lhes permitiria experimentar uma visão de Deus, um encontro direto com o divino transcendental. Naquele momento, quando eles tinham recebido a "luz", eles seriam capazes de se comunicar diretamente com seu superior. 
Os Alumbrados foram perseguidos pela Inquisição espanhola, e foram expulsos da Espanha. Muitos foram para a vizinha França, onde eram conhecidos como os Illuminés (e às vezes como Guerinists depois da sua líder local Pierre Guerin). As autoridades os suprimiram em 1635. Um novo grupo surgiu no século 18, ficaram sob constante perseguição, e fugiram para a Inglaterra onde se tornaram conhecidos como "Profetas franceses". Suas escrituras influenciaram Jean-Jacques Rousseau. Outro capítuloIlluminati francês foi fundado por Martinez de Pasqually que tinha ascendência espanhola e grande conhecimento dos ensinamentos da Cabala. Este grupo mais tarde se tornou conhecido popularmente como Martinistas depois de seu novo líder, Louis Claude de Saint-Martin. 
Outro grupo ligado aos Illuminati neste período foi a Carbonari franco-italiana. Algumas pessoas afirmam os carbonários foram fundados no século 19 na Itália, mas na verdade sua origem é do século 16 na França. 
A ordem dos jesuítas (A Companhia de Jesus) foi estabelecida pelos Illuminati como uma outra tentativa (após os Templários) para se infiltrar no Catolicismo e tomar o poder por dentro. Como os Templários, que eram conhecidos como "Soldados de Cristo", embora não fosse uma ordem militar. 
 
Os Rosacruzes: 
 
 
 
Uma ordem secreta que forneceu a primeira visão pública significativa da Maçonaria.Eles publicaram vários manifestos enigmáticos e inspiradores em linguagem fortemente codificada. Eles não emergem abertamente e evitam a perseguição e a destruição. 
As for the Rosicross philosophers,
Whom you will have to be sorcerers,
What they pretend to is no more
Than Trismegistus did before,
Pythagoras, old Zoroaster,
And Apollonius their master.
 
(Samuel Butler)
 
A Ordem Rosacruz gradualmente tornou-se independente dos Illuminati e caiu sob a influência de outros, e ainda continua nos dias de hoje - Http://www.amorc.org.uk , embora os Rosacruzes não estejam mais conectados com os Illuminati, muitos dos ensinamentos originais dos Illuminati ainda são evidentes no pensamento Rosacruz moderno. Gene Roddenberry, o criador de Star Trek era um membro da AMORC. Star Trek representa uma imagem poderosa do que a nossa sociedade seria se pudéssemos nos livrar da Velha Ordem Mundial, Star Trek promove uma visão meritocrática, nobre, honesta, verdadeira, altruísta, ambiciosa, inteligente, aventureira da humanidade, livre da ganância e do dogmatismo religioso. Quem está nos impedindo de realizar este paraíso futurista.? A Velha Ordem Mundial - OWO - OLD WORLD ORDER. 
 
Maçonaria: 
 
 
 
Um produto do pensamento iluminista, projetado para derrubar as tiranias existentes da monarquia e do cristianismo. Gradualmente, foi infiltrada pela OWO e ficou totalmente danificada. É hoje um dos pilares da Velha Ordem Mundial. A Maçonaria é o mais profundo pesar dos Illuminati e o maior desastre. 
 
Thomas Jefferson, terceiro presidente dos EUA, principal autor da Declaração da Independência e republicano apaixonado, era um membro da Maçonaria e líder Americano dos Illuminati. Ele disse a famosa frase: "A árvore da liberdade deve ser renovada de tempos em tempos com o sangue dos patriotas e dos tiranos." Esse sentimento foi muito característico do pensamento Illuminati da época.
América sempre foi destinada a ser o grande farol da esperança para o mundo, o modelo dos Illuminati para derrubar nobres, reis, imperadores, dogmatismo religioso, como governar com justiça no interesse de todos. Tudo começou bem. Jefferson estava envolvido com todos os aspectos do desenvolvimento da nação, mas depois que ele deixou o cargo, seu poder e dos Illuminati diminuiram e a Velha Ordem Mundial aproveiteu para proteger o seu maior triunfo. Lentamente, mas seguramente eles assumiram o controle completo da América. Eles não criaram nobres, príncipes e reis, mas sim, poderosas famílias dinásticas que tiveram tanta influência como os aristocratas da Europa, com as riquezas ainda maiores, eles transformaram a democracia numa farsa. Tornou-se meramente um veículo para assegurar o seu poder continuo. É por isso que o pai de Bush, e seu filho - dois OWO tolos de primeira ordem - ambos chegaram à Casa Branca. 
O fato de que os Illuminati já tiveram no mundo atual uma superpotência ao seu alcance revela o quão poderosos eles são, mas também revela o brilho da Velha Ordem Mundial em reafirmar seu poder e derrotar seus inimigos. A Velha Ordem Mundial sabe que implacavelmente apelando aos instintos mais básicos das pessoas comuns, que sempre triunfará. O desafio para os Illuminati - cada vez mais difícil - é ganhar cultivando os aspectos mais nobres da humanidade e das aspirações mais elevadas. 
 
Os clubes jacobinos: 
 
 
 
 
Grupos mais radicais políticos da França revolucionária, liderada pelos Illuminati. Eles inicialmente tiveram grande sucesso, mas implodiram sob a tensão de serem obrigados a travar uma guerra contra todas as grandes potências da Europa, que pretendiam acabar com a Revolução. Os líderes jacobinos foram guilhotinados. 
Na Rússia czarista, no século XX, os Illuminati escolheram em ajudar os bolcheviques para derrubar o regime corrupto czarista. Apesar dos Illuminati fossem contra o comunismo, viram-no como o menor dos dois males, quando comparado com a regra de tiranos e dos autocratas. Infelizmente, o próprio comunismo logo se tornou uma tirania sob Stalin. 
***** 
 
Os Illuminati não tinham qualquer ligação com a sociedade secreta medieval German Holy Vehm, ao contrário do que afirmam alguns teóricos da conspiração. Qualquer pessoa, mesmo com um aperto superficial do Vehm Holy saberiam que eles estavam dispostos a ter caçado e executado membros do Illuminati. 
 
 
 
Outros alegaram que havia uma ligação entre os Illuminati e a Ordem dos Assassinos, fundada por Hassan bin Sabbah. Os assassinos e os Illuminati não tinham nenhuma conexão formal, mas eles se respeitam mutuamente. Os Cavaleiros Templários encontraram os assassinos no século 12 e ficaram intrigados com eles, questionaram se o assassinato poderia ser utilizado como uma arma legítima contra a tirania da Velha Ordem Mundial. Também é verdade que os Templários admiravam o lema enigmático codificado dos Assassinos: "Nada é verdadeiro - tudo é permitido."Somente as pessoas de uma visão além, podem compreender tal slogan. As pessoas estúpidas iriam levá-lo pelo óbvio sem tentar ver além e consideravam como uma espécie de declaração de anarquia e niilismo.
 
Os Roshinaya / Rawshaniyya, uma sociedade secreta no Afeganistão, no século 16, foi dito também estarem associados com os Illuminati. Novamente, isso é falso. O Roshinaya estava relacionado com os assassinos e não com os Illuminati. Os Roshinaya também tinham suas raízes no Nuqtawiyya da Pérsia, uma seita que surgiu no século XV e ensinou o misticismo e a reencarnação. (Novamente, os Illuminati tinham o respeito a esses grupos, mas sem vínculos, embora seja justo dizer que estas seitas gnósticas eram também de sua perspectiva.) Todas as três seitas foram atacadas, perseguidas e em grande parte destruída. 
 
A relação dos Illuminati com o budismo e o hinduísmo é um assunto que será tratado separadamente. Quanto à relação dos Illuminati com Jesus Cristo, isso também será tratado separadamente. 
 
 
 Fonte : http://www.ocultismodesoculto.com/2011/04/verdadeira-historia-sobre-os-illuminati.html