Os antigos egípcios sabiam como desencadear o poder da Glândula Pineal

06/09/2016 16:34
 
A antiga civilização egípcia estava à frente de muitas outras civilizações em todo o mundo quando ela floresceu nas bordas do Rio Nilo a milhares de anos atrás. Estes dois vídeos vão explorar a ligação entre a "Geometria Sagrada", e a Glândula Pineal ...
 
Entre os seus conhecimentos em astronomia, engenharia, arquitetura e medicina, os antigos egípcios tinham um lugar muito especial para a religião e a espiritualidade, sabendo exatamente o quanto era importante na vida cotidiana.
 
A Glândula Pineal, também conhecida como o terceiro olho, é uma pequena parte em forma de cone no nosso cérebro que é responsável pela produção de melatonina derivado da serotonina que lidam diretamente com nossos hormônios que por sua vez controlam o sono, os padrões de vigília, e as nossas funções sazonais.
 
Localizado perto da parte central do nosso cérebro, a glândula pineal ocupa uma pequena área entre os dois hemisférios.
 
 
É considerada por muitos como um portal que conecta o mundo físico e o espiritual no ser humano. Quando ativada, a glândula pineal oferece uma sensação de euforia e unidade na mente da pessoa, tambem oferecendo uma sensação de conhecimento e iluminação. A Glândula Pineal é considerada como uma forma de viajar entre as dimensões, referidas por muitos como projeção astral ou visão remota.
 
Curiosamente, se olharmos para a Glândula Pineal e o Olho de Horus vamos encontrar uma semelhança fascinante.
 
O "Olho de Horus" é um símbolo que representa a proteção, o poder real e a saúde. O olho normalmente é personificado na deusa Wadjet, e também é conhecido como o "Olho de Ra".
 
Aqui abaixo estão dois vídeos que exploram o trabalho de Schwaller de Lubicz, "The Temple of Man". Os vídeos têm como objetivo demonstrar que os construtores do Templo de Luxor de fato usaram "Geometria Sagrada" (Sagred Geometry) que por sua vez também se reflete as proporções exatas do corpo humano.
 
 
Os vídeos também oferecem pistas que a antiga civilização egípcia processava estados alterados de consciência com a ajuda da Glândula Pineal, que foi usada por essa antiga civilização para explorar o reino dos espíritos.
 
.
 
Os videos estão em inglês, porem tem como ser ativada as legendas em português. Caso não saiba ativar as legendas clique aqui e saiba como liga-las .