Uma das tabuas de argila mais importantes já encontrada !!

17/09/2016 11:08

Uma tábua de argila que se acredita ter em torno de 4.000 anos de idade, detalha os materiais usados na construção da Arca de Noé, e ainda indica que ela de fato foi redonda. Os chamados "modelos" (ou blueprints) da arca estão entre os documentos antigos mais importantes já descobertos.

 

 

Os desenhos técnicos da arca do Noé constituem de textos de 4.000 anos de idade com instruções que detalham como a Arca parecia, o material utilizado e sua peculiar forma redonda.
 
Foi considerado como um dos documentos mais importantes e incomparáveis já descobertos na Terra.
 
Segundo os pesquisadores, o antigo texto detalha os materiais, e medidas exatas para construir a Arca de Noé.
 
 
Mas o mais importante, é que os textos de 4.000 anos de idade descrevem a arca de Noé em uma forma sem precedentes, indicando que ela foi realmente redonda.
 
De acordo com Irving Finkel, curador do Museu britânico e autor de “The Ark Before Noah” que detalhou a descoberta em 2014 - apartir das tabuas contendo os desenhos técnicos da Arca de Noé - assumiu : "Esse achado foi encontrado por acaso."
 
Um dia, um homem com o nome de Douglas Simons chegou ao museu segurando uma tabua que ele recebeu de seu pai, que por sua vez obteve entre outros artefatos que se originaram do Egito e China.
 
A tabua de argila trazida por Simons "acabou por ser uma em um milhão", disse o autor e pesquisador Finkel...
 
 
A tabua contendo modelos da Arca de Noé é datada por volta de 1750 aC, e conta a história "da Babilônia" do Grande Dilúvio.
 
Embora Finken reconheceu que a história babilônica do dilúvio e as contas narrados no livro de Gênesis tinham muitas semelhanças, a tabua tambem continha "novos conteúdos surpreendentes", disse Finkel.
 
As plantas dão detalhes dos materiais utilizados na construção da arca. Ele ainda relata que, Deus havia instruído os materiais para Noé usar para construir a Arca ..
 
Curiosamente, de acordo com o texto antigo, a quantidade de corda prescrita, estirada em uma linha reta, iria de Londres a Edimburgo. Ainda mais interessante é o tamanho da própria arca.
 
Segundo relatos, a arca teria uma área de escalonamento de 3,6 quilômetros quadrados, cerca de 2,2 milhas quadradas, com paredes subindo até 20 pés.
 
Mas um dos detalhes mais interessantes do antigo projeto, é quando é mensionado a forma "redonda" da arca.
 
Como Finken menciona no passado, "Que eu saiba, nunca ninguém pensou nessa possibilidade", precisamente por isso que muitos consideram um dos documentos humanos mais importantes já descobertos.
 

Fonte