Mistérios de Chernobyl - Óvnis, Super Fungos, e Relatos !!

23/11/2015 13:15

O que não esta sendo divulgado sobre a catastrofe de Chernobyl ! Por incrivel que pareça OVNIs estão presentes, e estiveram presentes quando uma das maiores catastrofes nucleares ocorreram. Os detalhes não contados sobre o incidente de Chernobyl .....

 

 

O Acidente !

 

No ano de 1986, os operadores da usina nuclear de Chernobyl, na Ucrânia, realizaram um experimento com o reator 4. A intenção inicial era observar o comportamento do reator nuclear quando utilizado com baixos níveis de energia. Contudo, para que o teste fosse possível, os responsáveis pela unidade teriam que quebrar o cumprimento de uma série de regras de segurança indispensáveis. Foi nesse momento que uma enorme tragédia nuclear se desenhou no Leste Europeu.
Entre outros erros, os funcionários envolvidos no episódio interromperam a circulação do sistema hidráulico que controlava as temperaturas do reator. Com isso, mesmo operando com uma capacidade inferior, o reator entrou em um processo de superaquecimento incapaz de ser revertido. Em poucos instantes a formação de uma imensa bola de fogo anunciava a explosão do reator rico em Urânio-235, elemento químico de grande poder radioativo.
 
 
Com o ocorrido, a usina de Chernobyl liberou uma quantidade letal de material radioativo que contaminou uma quilométrica região atmosférica. Em termos comparativos, o material radioativo disseminado naquela ocasião era assustadoramente quatrocentas vezes maior que o das bombas utilizadas no bombardeio às cidades de Hiroshima e Nagasaki, no fim da Segunda Guerra Mundial. Por fim, uma nuvem de material radioativo tomava conta da cidade ucraniana de Pripyat.
Ao terem ciência do acontecido, autoridades soviéticas organizaram uma mega operação de limpeza composta por 600 mil trabalhadores. Nesse mesmo tempo, helicópteros eram enviados para o foco central das explosões com cargas de areia e chumbo que deveriam conter o furor das chamas. Além disso, foi necessário que aproximadamente 45.000 pessoas fossem prontamente retiradas do território diretamente afetado.
 
 
Para alguns especialistas, as dimensões catastróficas do acidente nuclear de Chernobyl poderiam ser menores caso esse modelo de usina contasse com cúpulas de aço e cimento que protegessem o lugar. Não por acaso, logo após as primeiras ações de reparo, foi construído um “sarcófago” que isolou as ruínas do reator 4. Enquanto isso, uma assustadora quantidade de óbitos e anomalias indicava os efeitos da tragédia nuclear.
Buscando sanar definitivamente o problema da contaminação, uma equipe de projetistas hoje trabalha na construção do Novo Confinamento de Segurança. O projeto consiste no desenvolvimento de uma gigantesca estrutura móvel que isolará definitivamente a usina nuclear de Chernobyl. Dessa forma, a área do solo contaminado será parcialmente isolada e a estrutura do sarcófago descartada.
 
 
Apesar de todos esses esforços, estudos científicos revelam que a população atingida pelos altos níveis de radiação sofre uma série de enfermidades. Além disso, os descendentes dos atingidos apresentam uma grande incidência de problemas congênitos e anomalias genéticas. Por meio dessas informações, vários ambientalistas se colocam radicalmente contra a construção de outras usinas nucleares.
 

Monstros de Chernobyl !

 
Com níveis mortais de radioatividade, a usina de Chernobyl, na Ucrânia, é um dos lugares mais contaminados e perigosos do planeta. Mas nas ruínas desse inferno nuclear está nascendo uma criatura bizarra: um fungo que come radioatividade. Ou melhor, não apenas um: pesquisadores dos EUA descobriram que há 37 espécies mutantes crescendo em Chernobyl. Elas foram descobertas numa inspeção de rotina, quando um robô vistoriava o interior da usina e encontrou uma meleca preta crescendo pelas paredes do reator 4 – o mesmo que explodiu e provocou, em 1986, o pior acidente nuclear da história. Como é possível que, além de sobreviver à radiação, algum ser vivo consiga se alimentar dela? “Nossas pesquisas sugerem que os fungos estão usando um pigmento, a melanina, da mesma forma que as plantas usam a clorofila”, diz a cientista Ekaterina Dadachova. Ou seja: os fungos teriam sofrido mutações que os tornaram capazes de fazer uma espécie de “radiossíntese”, transformando radiação em energia. 
 
 
Dentro da usina, os fungos mais comuns são versões mutantes do Cladosporium sphaerospermum, que provoca micose, e a Penicillium hirsutum, que ataca plantações de alho. Mas como elas foram parar em Chernobyl? Afinal, o reator foi selado por uma caixa de concreto, o chamado “sarcófago”, após o acidente de 1986. “Os fungos penetraram pelas brechas”, acredita o biólogo Timothy Mousseau, da Universidade da Carolina do Sul. Será que, como num filme de terror, os monstrinhos atômicos podem sair da usina e se espalhar pelo mundo? Eles podem escapar do mesmo jeito que entraram, passando por brechas e rachaduras nas paredes. Mas, sem radioatividade para comer, não se dariam bem fora da usina. “Geralmente, os organismos que conseguem se sair bem em um local extremamente hostil têm dificuldades em outros ambientes”, diz Mousseau.
 

Relatos, Fantasmas, e Mistérios !

 
 
Sem duvida muitos relatos e historias circulam ao redor de uma das cidades fantasmas mais famosas do mundo, um fato é que muitas coisas estranhas ainda ocorrem por lá . Alguns dos muitos relatos que são reportados por quem visita as localidades é aparições de vultos nas janelas dos prédios obscuros e abandonados da cidade. Muitos reportam vozes que ecoam pelas vazias ruas, e aparições de estranhos seres que caminhão entre as vegetações que cercam toda a área de um lado para o outro . Já ouve alguns que garantiram verem criaturas e seres totalmente bizarros nunca vistos antes em nenhum lugar da Terra, talvez criaturas afetadas pela radiação do local . Sem duvida depois do acidente que devastou Chernobyl, a cidade ganhou um aspecto bizarro, com florestas de cores avermelhadas causadas pela radiação, aumentado o clima de "lugar sombrio" . Não existem ainda muitos relatos sobre grande numero de atividades paranormais .. Mas isso seria facilmente explicado pelo fato de poucas pessoas se arriscarem a ir lá, e os que vão não podem permanecer por muito tempo . Mas mesmo assim os que se arriscam trazem muitos relatos assustadores do que viram por lá . Um filme lançado recentemente (Chernobyl) mostra bem varias partes da cidade fantasma, é um bom local para gravar um filme de terror, já que a propria cidade tem historias bem sombrias, e assustadoras com avistamentos de fantasmas, criaturas mutantes, super fungos comedores de radiação, dentre outras coisas !
 

UFOs e Chernobyl 

 
 
ETs teriam monitorado o desastre de Chernobyl ? A usina nuclear de Chernobyl, Ucrânia, explodiu em 26/04/86 às 1:23 am. No dia seguinte o jornalista Jerry Washington declarava:
 
"…cresce o número de avistamentos de OVNIs na área da usina nuclear de Chernobyl…"
 
"…aproximadamente um mês antes do desastre de Chernobyl eu tive uma conversa com um controlador de tráfico aéreo do aeroporto de Kharkov. Ele me falou que, de acordo com os relatórios dos pilotos, havia um número elevado de avistamentos de OVNIs na área da usina nuclear. Depois foi divulgado que na noite do fogo na usina, umas 3 horas depois da explosão, uma equipe de especialistas nuclear viu no céu, em cima da estação, uma bola da cor de metal. As testemunhas calcularam que teria de  6 à 8 metros e estava a 300 metros do reator número 4."
 
 Antes do avistamento os especialistas mediram o nível de radiação do lugar, que no momento era de 3000 milliroentgens por hora. De repente dois raios luminosos de cor vermelha partiram da bola misteriosa incidindo-se por mais uns 3 minutos no reator…abruptamente enfraqueceram e o objeto flutuou lentamente na direção norte-ocidental, para Byelorussia. Revendo a radiação a equipe espantou-se com o nível de apenas 800 milliroentgens por hora…
 
 
 
 Outras pessoas tambem viram quando os eventos problemáticos começaram a ocorrer em Chernobyl, observaram uma nave espacial pairando acima da quarta unidade geradora da usina. Testemunhas dizem que um UFO estava lá por mais seis horas e que centenas de pessoas o viram. Elas começaram a escrever sobre ele apenas dois anos após a catástrofe. Claro, essa informação apareceu em revistas sobre ufologia. 
 
 Aqui está o relato que Mikhail Varitsky sobre esse incidente :
 
 "Eu e outras pessoas de minha equipe foi ao local da explosão durante a noite. Vimos uma bola de fogo, e ele estava voando lentamente no céu. Eu acho que a bola tinha seis ou oito metros de diâmetro. Em seguida, vimos dois raios de luz carmesim que foram em direção para a quarta unidade. O objeto ficou a cerca de 300 metros do reactor. O evento durou mais ou menos três minutos. Os raios do objeto de repente desligaram, e o UFO voou para longe na direção noroeste."
 
 Três anos mais tarde (a 16 de Setembro, 1989), um medico chamado Doutor Gospina foi surpreendido quando viu durante varias horas um objeto de cor "Âmbar" pairar acima do centro de Chernobyl. Em Outubro de 1990 um reporter do jornal "eco de" Chernobyl, V. Navran, estava fotografando uma loja de maquinas da usina de Chernobyl e viu claramente um objeto voador nao identificado parecido com o que foi descrito pelo medico Gospina  . 
 Aparentemente esse lugar mortal com altos indices de radiação é bem ativo na questão de UFOs ....  Teriam algum interesse no que ouve em Chernobyl ?! Ou realmente estariam monitorando a catastrofe, e se for, porque ? 
 
 
Fonte : Caçadores de Mistério, Wiki Chernoby, Revista UFO, Cidades Fantasma, Super Interessante , Pravda