A melhor evidência de estruturas na Lua é encontrada: Ex-consultor da NASA diz ter provas de que apagaram evidências de fotos das missões lunares

07/06/2017 10:04

Um ex-consultor da NASA declarou ter visto a equipe da agência espacial estadunidense editar imagens da lua, tirando os OVNIs e outras possiveis anomalias, antes delas serem liberadas ao público - em muitas fotos liberadas pela NASA de fato é possivel ver algumas áreas que parecem ter sofrido algum tipo de edição.

 

 

O Dr. Ken Johnston foi um consultor empregado pela Brown & Root no Laboratório de Recebimento Lunar, do Centro Espacial Johnson da NASA, em 1971. Ele trabalhava catalogando e armazenando as fotos das missões Apolo, bem como pedras lunares.
 
Uma importante caracteristica de seu trabalho era a de embalar e enviar amostras lunares para os laboratórios. Foi durante este período que ele diz ter visto técnicos em imagens fotograficas da NASA editando detalhes de anomalias e OVNIs nas fotos da Lua que foram tiradas durantes as missões Apolo.
 
 
Johnston fez as extraordinárias alegações ao presentear fotos e materiais de análise para o Museu Internacional e Centro de Pesquisa OVNI em Roswell. O museu possui uma das maiores coleções de materiais relacionados aos OVNIs e alienígenas no mundo.
 
Ken Johsnton, que escreveu três livro da série “Ken Moon” sobre este assunto, agora faz palestras nas convenções sobre o fenômeno.

 

 

Sua mais chocante alegação foi a de que oficiais da NASA teriam ordenado a ele para destruir cinco sessões de fotos das missões lunares. Ele diz que argumentou com eles para que as fotos fossem, ao invés de destruídas, doadas para universidades ou instituições de pequisa, mas não foi escutado.
 
Contudo, ele diz que ficou com algumas das imagens, as quais ele sugere que mostram evidências de objetos não explicáveis, e até mesmo prédios e estruturas na Lua.
 
 
Desde então Johnston deu início a controvérsias, alegando ter sido despedido pela agência espacial por ter começado a delatar sobre as imagens.
 
Ele confirmou que, na década de 1970, os astronautas da NASA viram vestígios de construções antigas na lua, nisso eles fotografaram algumas das evidências mais incriveis de tecnologia encontradas na superfície do satélite natural da Terra. Após os astronautas trazerem de volta as imagens para a Terra, elas foram entregues a Johnston, responsável pela conservação das imagens. 
 
 
Embora alguns oficiais tenham ordenado Johnston a destruir as imagens, ele as manteve em segredo. Quase quarenta anos depois, Johnston decidiu divulgar estas fotos. Ele acusou a NASA de editar as fotos originais da Lua e as substituírem com imagens 'falsas', com as estruturas lunares sendo apagadas.
 
 
Os astronautas da missão Apolo até mesmo teriam trazido evidências de tecnologia extraterrestre, avanços que têm sido incorporados e são usados por países, tais como os Estados Unidos, a Rússia, a China, a Índia e o Japão. Os astronautas dos Estados Unidos trouxeram de volta da Lua claras evidências de estruturas e objetos tecnologicos.

 

Fonte\Fonte