Esta pode ser a "escrita" mais antiga do mundo e antecede a escrita suméria

08/08/2016 15:29
 
 
 
Embora a civilização de "Danube Valley" (Vale do Danúbio) não seja tão famoso como outras culturas antigas em todo o mundo, é uma das mais antigas civilizações a existir na Europa, se desenvolvendo ao redor de 5.500 e 3.500 aC, em uma área conhecida hoje como Balcãs, uma vasta área de terra que se estende do norte da Grécia para a Eslováquia, e da Croácia à Roménia.
 
 
A civilização Danube era uma das culturas mais influentes e importantes no Sudeste da Europa, estando entre as primeiras civilizações a desenvolver ferramentas de cobre, arquitetura avançada, incluindo casas de dois andares, design, produção de móveis, e o mais importante, um sistema de escrita. Tudo isso ocorreu quando a maior parte da Europa estava na idade da pedra, e o desenvolvimento avançado estava longe de ser visto . Esta civilização antiga desenvolveu habilidades sem precedentes como tecelagem, processamento de couro, fabricação de roupas e tambem inventaram a roda.
 
Simbolos Vinca
 
No entanto, a característica mais proeminente da civilização do Vale do Danúbio é, sem dúvida, a controversa linguagem escrita que desenvolveram. Mesmo que muitos arqueólogos acreditem que o "script" do Vale do Danúbio não é uma língua escrita, mas uma coleção de formas geométricas, outros acreditam que este é um dos primeiros sistemas de escritas que apareceram na Terra. 
 
Na verdade, se esta teoria for 100% comprovada, isso significaria que essa é a língua escrita mais antiga já encontrada na Terra, antecedendo os escritos sumérios bem conhecidos na Mesopotâmia, que de acordo com pesquisadores remonta a 5360 aC.
 
 
De acordo com Harald Haarmann, um cientista cultural e linguista alemão, diz que "script" Danube antecede as escritas sumérias e deve ser considerado como a escrita mais antiga do mundo. As inscrições em tabuas encontradas da civilização do Vale do Danube datam apartir de 5.500 aC, e os símbolos misteriosos que compõem a linguagem escrita ainda precisão ser decifrados. 
 
Os símbolos visto em inúmeras tabuas da civilização Danube também são chamadas de símbolos Vinca, e são encontradas em vários sítios arqueológicos em toda a área do Vale do Danúbio.  
 
 
Os investigadores encontraram milhares de artefatos no Vale Danube, marcados com o script Danube, principalmente em estatuetas. Até à data, os investigadores encontraram cerca de 700 diferentes caracteres, um número semelhante ao dos caracteres utilizados em hieróglifos egípcios antigos.
 
O fato de que os arqueólogos convencionais sugerem que esses símbolos não são um sistema de escrita, mas meras decorações, vem da mesma incapacidade de explicar outras descobertas em todo o globo. Parece que cada vez que descobrem algo que desafia visões tradicionais sobre a história e desenvolvimento da raça humana, os estudiosos tradicionais fecham os olhos e decidem ignorar por completo.
 
Esta incrível civilização antiga certamente merece um estudo mais apropriado e uma abordagem científica, uma que poderia nos ensinar mais coisas sobre as civilizações antigas na Terra. A proposta da Haarmann merece um melhor olhar, para o que possa vir a ser uma das mais importantes e controversas civilizações antigas da Terra.