Essa pode ser a maior evidencia já encontrada relacionada a contato extraterrestre no passado...

17/06/2017 10:09

Prova do primeiro contato dos maias com seres extraterrestres é encontrada no México

 
 
Moradores da periferia de Puebla (coincidentemente o mesmo lugar que alegam ter caido um OVNI que foi visto por centenas de pessoas), perto de Veracruz (México) encontraram as pedras de jade com esculturas misteriosas que parecem representar alguns seres humanoides, com cabeças grandes, semelhantes aos alienígenas representados atualmente.
 
A descoberta foi feita em março de 2017, e a notícia foi divulgada via Twitter, pelo jornalista Javier Lopez Diaz, que trabalha na CincoRadio, onde foram publicadas algumas fotos das pedras que foram analisadas por especialistas na área.
 
 
O que você pode ver registrado em duas das pedras poderia representar uma contato com seres alienígenas de outros mundos, que ocorreu durante o desenvolvimento da civilização maia.
 
A autenticidade dos artefatos encontrados em uma caverna nos arredores de Puebla e Veracruz parece ter sido confirmada pela inspeção da caverna, onde outros restos foram encontrados, inclusive petróglifos de importância histórica, os quais reproduzem cenas reais de um encontro com seres de outros mundos e representantes do povo maia. Na verdade, as pedras recuperadas têm sido chamadas de “Pedras da Primeira Reunião”.
 
 
Depois de caminhar por várias horas pela mata para chegarem à uma série de três cavernas, que estão localizadas na divisa entre Veracruz e Puebla, dois dos membros da equipe de investigação imediatamente relataram alguns resultados surpreendentes, como as pedras dentro da caverna, com imagens visíveis que podem representar a relação histórica entre humanos e alienígenas. Em seguida, percebeu-se a presença de um metal que os líderes da expedição dizem que pode ser ouro.
 
Nas pedras encontradas na caverna, à primeira vista são visíveis vários desenhos esculpidos, inclusive naves alienígenas e seres humanoides. Em uma das pedras, que aparentemente foi quebrada por expedições anteriores, pode-se notar o topo de uma nave espacial, com um ser que está no nosso mundo, e um chefe da cultura pré-hispânica que parece ter uma espiga de milho em mãos. 
 
 
 
De acordo com a lenda dos moradores, seria necessário ter uma reunião com os seres que vieram em uma nave espacial e, em seguida, seria documentado tudo através de gravuras em rochas.
 
Alguns pesquisadores começaram a inspeção com o proprietário do terreno do local da caverna, assim a primeira visita ao local ocorreu há três meses.  Na verdade, eles não só descobriram a caverna no mato, mas também algumas pedras sobre as quais são exibidas as imagens desses humanoides, por isto a nova visita de 12 de junho foi agendada.
 
A notícia desta descoberta extraordinária foi relatada nos jornais do México, inclusive no El Informante de Veracruz e Televisapuebla.tv.
 

 

Fonte