Arqueólogos fazem uma nova grande descoberta na Grande Pirâmide de Gizé

10/08/2017 11:26

Câmara secreta é encontrada dentro da Grande Pirâmide de Gizé

 
Arqueólogos acreditam estar na iminência de descobrir uma sala secreta dentro da grande pirâmide de Gizé, usando uma nova tecnologia.
 
 
 Utilizando termografia infravermelha para mapear partículas, os arqueólogos sabem que há uma sala secreta, mas não sabem onde está dentro da estrutura.
 
Uma cavidade foi recentemente descoberta perto da seção nordeste da pirâmide, que deu aos arqueólogos grandes esperanças. No entanto, os arqueólogos estão tentando ser cauteloso em suas hipóteses, pois o ex-Ministro das Antiguidades do Egito, Zahi Hawass, caracterizou a descoberta como sendo somente uma abertura dentro da estrutura.
 
A Grande Pirâmide, também conhecida como a Pirâmide de Quéops, foi construída na quarta dinastia. A pirâmide é uma atração moderna e tem uma história de exploradores em busca de um tesouro em seu interior.
 
Métodos antigos têm sido usados para explorar pirâmides. Os egiptólogos no século XIX explodiam buracos através das paredes das pirâmides com dinamite.
 
A tecnologia empregada aqui é semelhante a um raio-X para uma pessoa, o que permite que os arqueólogos visualizem tudo dentro da pirâmide ou estrutura. Usando esta nova tecnologia, partículas elementares podem facilmente passar através de materiais grossos e permitir a visualização do interior. Usando esta tecnologia, espera-se que sejam feitas descobertas adicionais.
 
 
Espera-se que a tecnologia permita a descoberta dos restos da rainha egípcia Nefertiti, a qual o egiptólogo Nicolas Reeves acredita estar escondida em uma câmara secreta dentro da tumba de Tutancâmon.
 
Uma equipe da Universidade Politécnica na Itália irá usar esses métodos para investigar o vale dos reis. Portanto, a tecnologia do século XXI empregada para visualizar a grande pirâmide tem grande utilidade para os arqueólogos à procura de novas áreas dentro de antigas pirâmides.

 

Fonte\Fonte