Alinhamento bíblico entre previsão da NASA e o Apocalipse?

18/10/2016 19:29

Estudiosos da Bíblia concordam que as previsões da agência espacial americana se alinham com as profecias descritas no livro do Apocalipse.

 
 

Pode ser ativada a legenda em português

 

Todos os dias, as imediações da Terra são atravessadas por centenas de asteroides. Esperar que algum deles acerte nosso planeta é, na verdade, uma questão estatística de tempo, segundo relatórios da NASA. 
 
Em 1999, foi descoberto um asteroide chamado Bennu. Seus 500 metros de diâmetro orbitam ao redor do Sol a 100 mil km/h. Os cálculos astronômicos indicam possibilidades de impacto com a Terra por volta de 2135. 
 
 
De acordo com estudiosos da Bíblia, essa previsão astronômica coincide com a profecia descrita no livro do Apocalipse: “O segundo anjo tocou a trombeta, e como uma grande montanha ardendo em chamas foi atirada ao mar, e a terceira parte do mar se transformou em sangue. E morreu a terceira parte dos seres vivos que estavam no mar, e a terceira parte dos navios foi destruída”, Apocalipse 8: 8-9. 
 

Sonda Osiris-Rex 

 
No mês de setmbro, a NASA lançou uma missão rumo ao asteroide Bennu. De acordo com especialistas da agência espacial norte-americana, a sonda Osiris-Rex fará pesquisas e várias "coisas interessantes", porém, definitivamente, ela não estará equipada para evitar a destruição da Terra ou desviar a rota da rocha espacial já que o risco de colisão é considerado pequeno: 1 para 2.500. Cientistas também são enfáticos ao afirmar que a rocha espacial não é grande o suficiente para representar uma ameaça existencial ao planeta. 
 
A sonda deve coletar e analisar a poeira do asteroide, que já se sabe é rica em carbono. A NASA deverá estudar mais sobre a distribuição de seus minerais e se há matéria orgânica em Bennu. 
 

Fonte